Porto Velho (RO) sábado, 11 de julho de 2020
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Pesquisas da Embrapa sobre mandioca podem beneficiar povos africanos



Cientistas apostam no alimento para combater a anemia

Consultores da Fundação Bill e Melinda Gates, dos Estados Unidos, visitam nesta semana unidades da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) com o objetivo de implantar na África experiências e tecnologias nacionais que levem ao desenvolvimento da mandioca.

A informação foi dada pela pesquisadora da Embrapa Agroindústria de Alimentos Marília Nutti que coordena estudo para elevar o teor vitamínico de alimentos, como a mandioca, com ferro, zinco e betacaroneto, que é um precursor da vitamina A.

Nutti  explicou que os consultores estrangeiros estão visitando a Colômbia e o Brasil, onde são realizadas pesquisas com mandioca, “para levar essas informações à África,  que tem grande consumo de mandioca e populações muito carentes”. A fundação pretende criar um fundo no continente africano para elevar a produtividade da mandioca e seu valor nutricional, de modo a melhorar a saúde da população.

– Eles têm interesse no projeto e em melhorar a saúde das pessoas – diz Marília.

O aumento do teor de zinco e ferro na mandioca contribui para combater a anemia, que é considerada a maior deficiência nutricional no mundo.  Além disso, a vitamina A melhora a visão e o sistema imunológico das pessoas.

A pesquisadora  destacou, porém, que os representantes da Fundação Bill e Melinda Gates querem conhecer também outras  instituições que realizam experiências abrangendo aspectos diversos da mandioca, relacionados ao teor de amido e à mecanização, por exemplo.

As visitas começarão no dia 1º de setembro pela empresa Halotek-Fadel, em Palmital (SP). A Halotek-Fadel é especializada no cultivo mecanizado e no processamento de amido da mandioca. No dia 2, a delegação se reunirá, em Brasília,  com a diretoria da Embrapa e pesquisadores da Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia.  Nos dias 3 e 4, no município de Cruz das Almas (BA), os consultores estrangeiros conhecerão estratégias de pesquisa que vêm sendo desenvolvidas pela Embrapa Mandioca e Fruticultura.

De acordo com informações da Embrapa Agroindústria de Alimentos, baseadas em dados da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), a mandioca é o quarto cultivo mais importante nos países em desenvolvimento, apresentando produção de cerca de 226 milhões de toneladas em 2006.

O alimento é considerado básico para 1 bilhão de pessoas em 105 países. Seu rendimento médio, entretanto, seria de apenas 20% do ideal, devido às condições de plantio. Segundo a assessoria de imprensa da Embrapa,  as pesquisas e tecnologias que vêm sendo feitas podem contribuir para aumentar o nível de produtividade e o valor nutricional dessa raiz, reduzindo, por outro lado, as perdas na lavoura.

Fonte: Canal Rural/AGÊNCIA BRASIL

Mais Sobre Política - Nacional

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

A deputada federal Mariana Carvalho (PSDB-RO) defendeu nesta quinta-feira (2) as medidas que estão sendo aprovadas pela Câmara e pelo Senado no

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

O deputado federal Lucio Mosquini é o relator revisor da MP 924/2020, conhecida como MP do Enfrentamento do coronavírus. O Senador Eduardo Gomes també

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Rede Brasil Atual - Deputados da oposição anunciaram hoje (5) que vão apresentar denúncia no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o ministro da Edu