Porto Velho (RO) sexta-feira, 1 de julho de 2022
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Penitenciários recebem oficinas de leitura


 
Projeto “Leitura nas prisões” será lançado amanhã em Porto Velho, em parceria com o Ministério da Cultura

Vai ser lançado nesta quinta-feira (dia 11), às 10h, em Porto Velho (RO), o projeto “Uma janela para o mundo – Leitura nas prisões”, uma parceria dos ministérios da Cultura, Educação, Justiça e Desenvolvimento Agrário e o Departamento Penitenciário Nacional (DEPEN). O Ministério da Cultura, por meio do Programa Mais Cultura, investiu R$ 160 mil no projeto com a doação de oito pontos de leitura. “Uma janela para o mundo” será implantado nas quatro penitenciárias federais: Porto Velho (RO), Mossoró (RN), Campo Grande (MS) e Catanduvas (PR).

Cada ponto de leitura doado pelo MinC é composto por um acervo de 650 obras – exemplares de literatura brasileira, estrangeira, infantil e juvenil, DVD’s, enciclopédias, entre outros – computador e impressora. Além do acervo, as penitenciárias recebem também obras do projeto Arca das Letras, do MDA.

Por meio do projeto, escritores vinculados à Organização das Nações Unidas (Unesco) vão realizar oficinas de leitura para presos e servidores em todas as unidades, utilizando, entre outras, a coletânea “O pequeno livro das grandes emoções”, elaborada pela própria UNESCO especificamente para leitores adultos e jovens em formação. A equipe de tratamento penitenciário dará continuidade ao trabalho iniciado, tornando a atividade de capacitação permanente.

“O livro deve estar onde houver leitores. Por isso, um dos eixos de ação do Plano Nacional do Livro e da Leitura é a democratização do acesso com conquista de novos espaços de leitura. Assim, a penitenciária é mais um lugar de ação, como hospitais, asilos e pontos de ônibus”, diz Fabiano dos Santos Piúba, diretor de Livro, Leitura e Literatura do Ministério da Cultura. Além dos Pontos de Leitura nas penitenciárias, o MinC apoiou outras 514 iniciativas sociais, em edital nacional, e implantou 10 pontos de leitura em fábricas de Diadema (SP). Outros 25 pontos serão implantados em indústrias do ABC Paulista.

“Queremos tornar a leitura atrativa para os internos e seus familiares. Através do hábito de ler eles podem descobrir novos projetos de vida. Além disso, o projeto tem um núcleo de intersetorialidade de políticas públicas, relacionando-se, também, à integração e valorização dos servidores que atuam nas penitenciárias federais”, afirma, Rosangela Peixoto Santa Rita, a coordenadora-geral de Tratamento Penitenciário da Diretoria do Sistema Penitenciário Federal do Departamento Penitenciário Nacional (Depen).

Fonte: Djenane Arraes
 

Mais Sobre Política - Nacional

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

A deputada federal Mariana Carvalho (PSDB-RO) defendeu nesta quinta-feira (2) as medidas que estão sendo aprovadas pela Câmara e pelo Senado no

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

O deputado federal Lucio Mosquini é o relator revisor da MP 924/2020, conhecida como MP do Enfrentamento do coronavírus. O Senador Eduardo Gomes també

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Rede Brasil Atual - Deputados da oposição anunciaram hoje (5) que vão apresentar denúncia no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o ministro da Edu