Porto Velho (RO) sexta-feira, 16 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Penitenciária de Catanduvas recebe presos de RO.


CURITIBA - Vinte e um presos de alta periculosidade foram transferidos neste sábado da Casa de Detenção José Maria Alves da Silva (Urso Branco), em Rondônia, para a penitenciária federal de segurança máxima em Catanduvas, no Oeste do Paraná. De acordo com a Secretaria de Administração Penitenciária de Rondônia, os 21 presos são os líderes de recentes rebeliões. A mudança teve também o objetivo de evitar uma onda de mortes naquela unidade prisional.A operação de transferência aconteceu sob forte aparato de segurança das Polícias Federal e Militar de Rondônia e do Paraná, além da Polícia Rodoviária Federal. Um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) trouxe os prisioneiros de Rondônia até o aeroporto de Cascavel, regiões Oeste do estado. O comboio seguiu na tarde deste sábado pela BR-277 até Catanduvas.Em nota oficial, o secretário da Administração Penitenciária, Gilvan Ferro, disse que 21 presos foram transferidos para evitar uma chacina no Urso Branco, tendo em vista que a medida evitou uma rebelião, onde as conseqüências apontariam para um derramamento de sangue entre prisioneiros rivais.A lista com os nomes dos presos transferidos não foi revelada por questões de segurança. A última rebelião esta semana terminou com uma morte e seis detentos feridos gravemente. Esta é quarta transferência de presos para a penitenciária federal de Catanduvas, inaugurada em 23 de junho com capacidade para 208 pessoas. A unidade agora soma 88 detentos, entre eles o narcotraficante Fernandinho Beira-Mar.

Mais Sobre Política - Nacional

 JUSTIÇA SUÍÇA APONTA R$ 43,2 MILHÕES EM FINANCIAMENTO ILEGAL DE SERRA

JUSTIÇA SUÍÇA APONTA R$ 43,2 MILHÕES EM FINANCIAMENTO ILEGAL DE SERRA

Dinheiro para financiar a campanha presidencial do PSDB

Jair Bolsonaro diz que programa Mais Médicos não será suspenso

Jair Bolsonaro diz que programa Mais Médicos não será suspenso

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, disse ontem (14) que manterá o programa Mais Médicos e vai substituir os cerca de 8.500 profissionais cubanos p

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

A juíza federal substituta Gabriela Hardt negou, nesta terça-feira (13), o pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que ele