Porto Velho (RO) quinta-feira, 19 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Palocci promete relação positiva com a imprensa


 
Ivanir Bortot
Agência Brasil

Brasília - O novo ministro-chefe da Casa Civil, Antonio Palocci, de 50 anos, tomou posse hoje (2) no final da manhã em Brasília, prometendo ter uma relação saudável e positiva com a imprensa. Porém, avisou que só concederá entrevistas quando a presidenta Dilma Rousseff autorizar. Bem-humorado, o ministro brincou: “Serei econômico com as palavras [na relação com a imprensa]”. Ele nomeou o ex-ministro da pasta Carlos Eduardo Esteves Lima para ser seu assessor especial.

Na Casa Civil, Palocci terá contato constante e direto com Dilma. O gabinete do novo ministro fica localizado no Palácio do Planalto, próximo ao da presidenta, no mesmo prédio onde também estarão os dos ministros do Gabinete de Segurança Institucional, José Elito Carvalho Siqueira, e de Relações Institucionais, Luiz Sérgio.

A cerimônia de transmissão de cargo de Esteves para Palocci foi prestigiada por políticos, empresários e antigos companheiros de militância do novo ministro. Da base aliada, estavam presentes, entre outros, o senador Eduardo Suplicy (PT-SP) e o deputado Paulo Maluf (PP-SP). Glauco Arbix, que atuou no movimento estudantil com Palocci, também compareceu à solenidade, assim como o empresário Jorge Gerdau.

O presidente nacional do PT, José Eduardo Dutra, apontado por Dilma como um dos “três porquinhos” como símbolo de união e coesão durante a campanha eleitoral. Os outros porquinhos, segundo a presidenta, eram Palocci e o novo ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo.

Formado em Medicina, Palocci foi deputado federal e ministro da Fazenda do governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva até 2006. Fora do governo, Palocci se manteve fiel nas articulações no Congresso e foi um dos principais negociadores da campanha de Dilma à Presidência da República.

Mais Sobre Política - Nacional

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Implacável para condenar lideranças do PT na República de Curitiba, a Justiça brasileira não mostra o mesmo furor para investigar e julgar os tucanões

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que o anúncio da liberação de saques das contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviç