Porto Velho (RO) quarta-feira, 23 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Oposição promete obstrução total na Câmara


Isabel Braga - Agência O GloboBRASÍLIA - A oposição está decidida a obstruir as votações na Câmara até que o Supremo Tribunal Federal (STF) julgue o mandado de segurança que pretende garantir a instalação da CPI do Apagão Aéreo. Segundo o líder do PSDB, Antônio Carlos Pannunzio (SP), a oposição vai recorrer a todos os instrumentos previstos no regimento para impedir as votações.- Estamos obstruindo tanto nas comissões quanto no plenário até o STF decidir. Vamos usar de todas as prerrogativas regimentais para evitar que as matérias sejam votadas - disse.- Agora é obstrução total. Ela vai ocorrer até sair a posição do Supremo. Neste momento, nossa posição é não votar nenhum projeto. Se aparecer algum de interesse da sociedade, vamos analisar caso a caso. A sociedade há de entender que estamos lutando pelo direito da minoria - completou o líder da Minoria, Julio Redecker (PSDB-RS).O líder do PPS, deputado Fernando Coruja (SC), deu mais detalhes sobre a estratégia. Segundo ele, a obstrução atingirá os trabalhos da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ), onde está o recurso do PT que pede a suspensão do início da CPI do Apagão Aéreo. - Usaremos todas as armas regimentais para obstruir os trabalhos, pois os aliados do governo tentam esmagar a atuação da minoria ao impedir o funcionamento da CPI - disse Coruja. Na próxima semana, segundo ele, a situação será reavaliada.O deputado Henrique Fontana (PT-RS), vice-líder do governo, afirmou que a estratégia dos oposicionistas é "um erro grave, um desrespeito à democracia e se choca com o interesse da população, que deseja a análise de matérias importantes".- A decisão de suspender o funcionamento da CPI foi tomada em Plenário pela maioria da Casa porque a CPI serviria apenas como palco de confronto político - disse Fontana.Segundo ele, o melhor foro para discutir a crise do setor aéreo seria uma comissão especial.A base aliada, de acordo com Fontana, decidiu em reunião nesta segunda-feira dar prioridade aos projetos de interesse da bancada feminina, à PEC do voto aberto e às medidas provisórias 335/06 e 346/07.

Mais Sobre Política - Nacional

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que