Quarta-feira, 22 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Oito milhões de pessoas vão às urnas na capital paulista


Agência O globo SÃO PAULO - A maior cidade da América latina vai às urnas neste domingo. A expectativa do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) é que cerca de 8 milhões de eleitores compareçam aos 1.649 locais de votação espalhados pela capital paulista para escolher o presidente, governador, senador e deputado federal e estadual. É o maior contingente dos últimos tempos. A cidade terá 52 zonas eleitorais e 18.942 seções. Os números da eleição em São Paulo impressionam. A cidade é o maior colégio eleitoral do estado e alguns locais de votação recebem mais eleitores que cidades do interior. No Instituto Mackenzie, localizado no bairro de Higienópolis, devem comparecer 20.894 eleitores, um número vinte vezes maior que o total de eleitores da cidade de Borá, no interior do estado, que tem apenas 834 pessoas aptas a votar. O Mackenzie é o maior local de votação de São Paulo. Quando se olham as zonas eleitorais, os números também são superlativos. A maior zona eleitoral da capital é Cidade Ademar, na zona sul, com 265.699 eleitores aptos a votar, pouco menos que o total de eleitores da cidade de Santos (que tem 298 mil votantes). Em seguida, está a zona eleitoral do Sapopemba, na zona leste, com 239.808 eleitores e Itaquera, na mesma região, com 239.416. Em todo o estado, são mais de 28 milhões de pessoas aptas a votar. Só nos últimos dois anos, São Paulo ganhou quase 1 milhão de novos eleitores. Esse número representa 22,27% do total de eleitores do país. Serão 413 zonas eleitorais, 67.011 seções, distribuídos em 8.538 locais de votações como escolas, ginásios esportivos. Para organizar e transportar tanta gente aos locais de votação, a cidade prepara um esquema especial. O número de ônibus circulando na cidade será maior do que em domingos comuns. Pelo menos 70% da frota estará nas ruas. Para quem vai votar de carro, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) informa que o estacionamento estará liberado em alguns locais proibidos. A partir das 8h de domingo, quando as urnas serão abertas ao público, está proibido o consumo e venda de bebidas alcoólicas em locais públicos. A secretaria de Segurança Pública determinou Lei Seca durante o período de votação.

Gente de OpiniãoQuarta-feira, 22 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou nesta sexta-feira (25) maioria de votos para determinar que a Câmara dos Deputados faça a redistribuição do

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

O Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação (SInagências) conseguiu uma solução direta do governo após intensa articulaç

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Reservas foi instaurada em Rondônia para investigar possíveis irregularidades nos processos de criação

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Na tarde dessa segunda-feira (06), o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (SECOM), Paulo Pimenta, esteve r

Gente de Opinião Quarta-feira, 22 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)