Porto Velho (RO) domingo, 24 de março de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

OAB: mais uma vez, Congresso virou as costas para o povo


Agência O Globo BRASÍLIA - O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Roberto Busato, criticou o reajuste de 92% dos salários dos parlamentares, aprovado ontem pelas Mesas da Câmara e do Senado. Segundo ele, mais uma vez o Congresso "virou as costas" para o povo.- O Congresso deveria ser a caixa de ressonância da sociedade. No entanto, nessa legislatura se transformou na caixa de ressonância da imoralidade. Se a decisão é legal, é, ao mesmo tempo, imoral - disse.Segundo Busato, o povo não pode aceitar esse "desplante" em um momento em que todos estão com os salários achatados, contidos, em prol de um rearranjo da economia brasileira.- É lamentável ver o dinheiro público ser gasto dessa forma, em um verdadeiro trem da alegria no final de uma legislatura que fica marcada por atitudes insanas, antiéticas e, agora, imorais, como essa do reajuste dos vencimentos - disse.

Mais Sobre Política - Nacional

Câmara dos Deputados: CCJC aprova projeto de política nacional de prevenção ao suicídio

Câmara dos Deputados: CCJC aprova projeto de política nacional de prevenção ao suicídio

A deputada federal Mariana Carvalho (PSDB-RO), informou que Câmara dos Deputados, por meio da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC)

Vídeo: Mariana Carvalho comemora a aprovação do seu projeto em que o agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

Vídeo: Mariana Carvalho comemora a aprovação do seu projeto em que o agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

Projeto da deputada Mariana Carvalho (PSDB-RO) e do deputado Rafael Motta (PSB-RN) é aprovado no Senado Federal. O projeto determina que o agressor

APROVADO – Agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

APROVADO – Agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

O Plenário do Senado aprovou, nesta terça-feira (19), projeto que determina que o agressor nos casos de violência doméstica e familiar será obrigado a

Câmara dos Deputados aprova prioridade de matrícula para filhos de mulher vítima de violência

Câmara dos Deputados aprova prioridade de matrícula para filhos de mulher vítima de violência

Proposta permite ao juiz determinar a matrícula ou transferência de dependentes da mulher vítima de violência independentemente da existência de vagaO