Quinta-feira, 30 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Novo governador de MS enfrenta dívida explosiva


Paulo Yafusso, Agência O Globo CAMPO GRANDE - O médico e ex-prefeito de Campo Grande André Puccinelli (PMDB) foi empossado hoje à tarde governador de Mato Grosso do Sul, sucedendo o bancário José Orcírio Miranda dos Santos, o Zeca do PT, que depois de dois mandatos no Executivo passa a ser o primeiro ex-governador a ser beneficiado pela emenda constitucional aprovada pelos deputados e que entrou em vigor na semana passada, ressuscitando o pagamento de pensão vitalícia a ex-governadores. O peemedebista recebe o Estado com uma dívida que beira a R$ 8 bilhões, sendo R$ 6,4 bilhões com a União. Essa dívida foi renegociada no governo anterior ao do PT, com o Mato Grosso do Sul se comprometendo a destinar 15% da arrecadação para o pagamento da parcela da dívida. A parcela do mês passado, da ordem de R$ 27 milhões, não foi paga e o Estado poderá ter as contas bloqueadas, o que impediria o recebimento dos repasses feitos pelo governo federal. No discurso de posse, Puccinelli disse que só as dívidas de curto prazo e precatórios chegam a R$ 1 bilhão. - Temos um déficit que cresce a uma velocidade de R$ 1 milhão ao dia - afirmou o novo governador. Ele disse que esse quadro exige sacrifício de todos, e que não se trata de uma opção política impor esse sacrifício, mas sim uma "condição de sobrevivência". Ainda no discurso, o novo governador declarou que um dos primeiros desafios do seu governo será "convencer o governo federal a repactuar a dívida do Estado" e a rever a Lei Kandir, que nos últimos dez anos gerou um prejuízo a Mato Grosso do Sul que chega a R$ 1,5 bilhão. Além disso, o governo deve aos fornecedores cerca de R$ 150 milhões e Zeca do PT deixou de herança ao seu sucessor a folha de salário de dezembro dos 50 mil servidores.

Gente de OpiniãoQuinta-feira, 30 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou nesta sexta-feira (25) maioria de votos para determinar que a Câmara dos Deputados faça a redistribuição do

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

O Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação (SInagências) conseguiu uma solução direta do governo após intensa articulaç

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Reservas foi instaurada em Rondônia para investigar possíveis irregularidades nos processos de criação

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Na tarde dessa segunda-feira (06), o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (SECOM), Paulo Pimenta, esteve r

Gente de Opinião Quinta-feira, 30 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)