Porto Velho (RO) quarta-feira, 21 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Nota do Planalto nega que Lula tenha falado em 'fechar o Congresso'


Mônica Tavares - Agência O GloboBRASÍLIA - O Palácio do Planalto divulgou neste domingo nota à imprensa, assinada pelo Secretário de Imprensa e Porta-voz da Presidência da República, André Singer, afirmando que "é falso" que o presidente Luis Inácio Lula da Silva tenha feito alguma "ameaça ou hipótese de restrição ao livre, pleno e soberano funcionamento do Congresso Nacional". André Singer disse ainda na nota que somente o contexto de campanha eleitoral explicaria "a divulgação de pseudo-notícias como as que apareceram hoje".Na sua coluna de domingo, na nota com o título "Demônio golpista", Elio Gaspari informa que Lula, durante jantar com empresários, na última quinta-feira, ao responder ao empresário Eugênio Staub sobre como pretendia fazer as reformas necessárias ao país, durante o segundo mandato, teria dito: "Staub, não acorde o demônio que tem em mim, porque a vontade que dá é fechar esse Congresso e fazer o que é preciso".Leia a íntegra da nota da Presidência da República: "Diante de notícias publicadas em jornais de hoje relativas à postura do Presidente da República frente ao Congresso Nacional, cabe afirmar:"1. É falso que o presidente tenha, em qualquer momento, feito afirmação que pudesse ser entendida como uma ameaça ou hipótese de restrição ao livre, pleno e soberano funcionamento do Congresso Nacional;"2. A história de luta e compromisso do presidente Luiz Inácio Lula da Silva com a democracia e, por conseqüência, com a soberania e a independência dos poderes que constituem o regime democrático, é amplamente conhecida do povo brasileiro;"3. Ao longo de 44 meses de mandato, o presidente não só demonstrou absoluto respeito pela liberdade e soberania do Congresso como fez questão de prestigiá-lo e valorizá-lo com repetidos gestos de apreço;"4. Só o contexto eleitoral, com reiteradas tentativas de causar confusão e dificuldades para a expressão informada da vontade popular, explica a divulgação de pseudo-notícias como as que apareceram hoje."

Mais Sobre Política - Nacional

Sergio Moro escolhe delegados da Lava Jato para PF e departamento do MJ

Sergio Moro escolhe delegados da Lava Jato para PF e departamento do MJ

O juiz federal Sergio Moro, que assumirá o Ministério da Justiça no próximo governo, confirmou hoje (20) os nomes dos delegados Maurício Valeixo pa

Paulo Guedes quer secretaria de privatizações para acelerar a venda de ativos

Paulo Guedes quer secretaria de privatizações para acelerar a venda de ativos

O futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, pretende criar uma Secretaria de Privatizações no governo do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) par

Haddad vira réu por corrupção passiva e lavagem de dinheiro

Haddad vira réu por corrupção passiva e lavagem de dinheiro

É a primeira vez que o petista se torna réu em ação criminal

O presidente eleito Jair Bolsonaro diz que soberania e leis do Brasil devem ser respeitadas

O presidente eleito Jair Bolsonaro diz que soberania e leis do Brasil devem ser respeitadas

Em meio a reações como a do governo cubano que decidiu suspender a parceira com o Programa Mais Médicos, o presidente eleito Jair Bolsonaro voltou a