Sábado, 20 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Movimento de domingo nos aeroportos de todo o país foi de poucos atrasos


Henrique Gomes Batista, Isabel Braga, Bruno Rosa e - Agência O Globo BRASÍLIA e RIO - O movimento nos principais aeroportos do país foi tranqüilo este domingo, considerando-se a semana passada, quando a aviação civil brasileira viveu um de seu piores momentos. De acordo com o balanço da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), apenas 16% dos vôos no domingo pela manhã sofreram atrasos significativos (de mais de uma hora). Na terça-feira, auge da crise - agravada pela pane em um equipamento de comunicação das torres de controle de tráfego com as aeronaves - praticamente todos os vôos atrasaram ou foram cancelados, com o fechamento dos principais aeroportos do país. No Rio, dos 48 vôos programados para o Aeroporto Antônio Carlos Jobim, o Galeão, três tiveram atrasos superiores a uma hora no período da manhã. E o medo de perder a volta para casa criou situações curiosas no aeroporto. Apesar da repentina normalidade, a semana promete ser agitada para o setor aéreo. Além do riscos de novos problemas - os militares temem nova operação-padrão dos controladores no dia 22 de dezembro e há falta de técnicos e de manutenção para alguns equipamentos -a agenda política do setor deve esquentar o debate sobre a crise da aviação, que já dura mais de 70 dias. Na terça-feira, o Tribunal de Contas da União (TCU) apresentará um relatório sobre as investigações que faz do setor aéreo. A previsão é que o ministro Augusto Nardes, responsável pelo caso, indique graves falhas de gestão, comando e falta de investimentos e transparência nos órgãos civis e militares do setor. No Congresso, o assunto deverá ser um dos principais da semana. Nesta segunda-feira, deputados e senadores se reúnem nas respectivas comissões extraordinárias criadas na semana passada para avaliar a situação. A agenda de atividades das duas comissões - a da Câmara e a do Senado - devem promover suas primeiras atividades nos próximos dias. As discussões devem aumentar na quarta-feira, quando deverá ocorrer a audiência pública sobre segurança de vôo e tráfego aéreo na reunião conjunta das comissões de Defesa do Consumidor e de Relações Exteriores e de Defesa Nacional da Câmara dos Deputados. Além disso, a base governista tentará votar a medida provisória (MP), publicada às pressas durante a primeira crise dos aeroportos - causada pela operação padrão dos controladores de vôos - para permitir a contratação emergencial de profissionais aposentados. Embora o texto permitisse que 60 novos trabalhadores atuassem no controle de tráfego até o dia 31 de dezembro de 2007, apenas 36 foram contratados até agora.

Gente de OpiniãoSábado, 20 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou nesta sexta-feira (25) maioria de votos para determinar que a Câmara dos Deputados faça a redistribuição do

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

O Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação (SInagências) conseguiu uma solução direta do governo após intensa articulaç

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Reservas foi instaurada em Rondônia para investigar possíveis irregularidades nos processos de criação

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Na tarde dessa segunda-feira (06), o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (SECOM), Paulo Pimenta, esteve r

Gente de Opinião Sábado, 20 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)