Porto Velho (RO) domingo, 19 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Marina diz que construção de usina na fronteira pode exigir mais estudos ambientais


Monica Tavares - Agência O GloboBRASÍLIA - A construção de uma nova usina hidrelétrica na fronteira entre Brasil e Bolívia poderá exigir mais estudos ambientais em relação aos projetos de Jirau e Santo Antônio, no Rio Madeira. A ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, disse nesta quarta-feira, ao sair de almoço oferecido ao presidente boliviano Evo Morales, que outros empreendimentos mudam a natureza do que está sendo avaliado hoje pelo Ibama. - É um outro impacto que precisa ser avaliado no mérito. Com certeza, se você tem dois empreendimentos e a proposta é fazer também do lado boliviano, é completamente diferente o processo - afirmou a ministra.Os estudos de impacto ambiental de Jirau e Santo Antônio estão praticamente prontos e a expectativa é que o resultado saia em 15 dias. Havia uma proposta do governo boliviano de aproveitamento hidrelétrico na cidade de Guajará-mirim, no Rio Mamoré, que é um afluente do Madeira, com capacidade para 3 mil megawatts. A previsão do governo brasileiro, incluída no Plano de Aceleração do Crescimento (PAC), é que o empreendimento de Jirau seja licitado entre junho e julho e a de Santo Antônio, no fim do ano. Juntas, as duas usinas terão capacidade instalada de 7 mil MW.

Mais Sobre Política - Nacional

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

BLOG NOCAUTECom informações do Poder 360A Editora Abril, que já foi a maior do Brasil, acumulou dívidas de cerca de R$ 1,6 bilhão. Só na semana passad

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

O jornalista e escritor Palmério Dória denuncia em seu Twitter o cinismo escancarado do Grupo Globo em omitir o que ele chama de 'engenharia do caos';

 Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

O desembargador do TRF-4 Rogério Fraveto, que em 8 de julho determinou a soltura do ex-presidente Lula, decisão que não foi cumprida, disse, em sua de

Grupo Abril pede recuperação judicial

Grupo Abril pede recuperação judicial

O grupo Abril entrou com um pedido recuperação judicial nesta quarta-feira (15); plano de recuperação judicial será mostrado aos credores em até 60 di