Domingo, 19 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Magistrados podem ser obrigados a devolver dinheiro acima do teto


Carolina Brígido - Agência O Globo

BRASÍLIA - De acordo com a Lei Orgânica da Magistratura Nacional (Loman), se ficar comprovada má-fé ou desvio de conduta por parte dos presidentes de tribunais que se recusaram a cortar os salários acima do teto de R$ 22.111 e mantiveram pagamentos indevidos, eles poderão ser punidos inclusive com o afastamento da magistratura.

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) também poderá enviar o caso ao Ministério Público para propor ação por crime de responsabilidade contra o magistrado. Mas o secretário do CNJ, o juiz Sérgio Tejada, não acredita que, na prática, isso aconteça. - (As punições são) em tese. É uma possibilidade muito remota. O nosso interesse é corrigir - explicou.

Entretanto, o secretário afirmou que, se o CNJ confirmar que os salários pagos além do teto são mesmo indevidos, o beneficiário do privilégio terá de devolver os valores ao poder público em valores retroativos a julho de 2006 - a data da primeira determinação de cortes do Conselho.

- Eventualmente, os valores recebidos indevidamente terão que ser devolvidos aos cofres públicos - alertou o juiz. Tejada disse que, entre os tribunais que não cumpriram a determinação do CNJ, alguns chegaram a adequar poucos salários ao limite de R$ 22.111. No entanto, o número de irregularidades não teria modificado muito. Ainda não existe um levantamento oficial sobre quantos servidores do Judiciário ainda recebem vencimentos excessivos.

Gente de OpiniãoDomingo, 19 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou nesta sexta-feira (25) maioria de votos para determinar que a Câmara dos Deputados faça a redistribuição do

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

O Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação (SInagências) conseguiu uma solução direta do governo após intensa articulaç

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Reservas foi instaurada em Rondônia para investigar possíveis irregularidades nos processos de criação

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Na tarde dessa segunda-feira (06), o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (SECOM), Paulo Pimenta, esteve r

Gente de Opinião Domingo, 19 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)