Porto Velho (RO) domingo, 24 de junho de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Jacques Wagner diz que é burrice tentar envolver Lula no dossiê


Maria Lima - Agência O GloboBRASÍLIA - Na ausência do coordenador nacional da campanha do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Marco Aurélio Garcia, o governador eleito da Bahia, Jacques Wagner (PT), convocou coletiva para reagir à materia da revista "Veja" que retoma as denúncias contra Fábio Luiz da Silva, o Lulinha. Jaques Wagner voltou a falar em golpismo, e chamou de "burros" os que estão tentando associar o presidente Lula aos escandalos de corrupção:- É tão burro o pessoal ter tentado comprar o dossiê (contra José Serra) quanto tentar colar no presidente Lula a imagem desse mar de lama. Não cola. Não é a cara dele (...) Quanto mais eles (oposicionistas) falam, mais o povo percebe que eles estão carregados de má-fé - disse.Jacques Wagner disse que a matéria da edição da revista "Veja" do fim de semana, e a tentativa de envolver o chefe de gabinete de Lula, Gilberto Carvalho, no escândalo do dossiê Vedoin, é desespero porque as pesquisas indicam um viés de alta de Lula na reta final.- Por isso a estratégia de aumentar o clima do mar de lama e o jogo do abafa.

Mais Sobre Política - Nacional

Marco Aurélio Mello culpa Cármen Lúcia por prisão ilegal de Lula

Marco Aurélio Mello culpa Cármen Lúcia por prisão ilegal de Lula

 247 – Um dia depois de denunciar à televisão portuguesa que o ex-presidente Lula está preso ilegalmente no Brasil (saiba mais aqui), o ministro Marco

 'Decisão de Fux já custou mais de R$ 4 bi ao País'

'Decisão de Fux já custou mais de R$ 4 bi ao País'

"Uma decisão tomada há quase quatro anos pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal, já custou mais de R$ 4 bilhões aos cofres públicos sem

No mesmo dia em que manobrou contra Lula, Fachin livrou Temer

No mesmo dia em que manobrou contra Lula, Fachin livrou Temer

Fachin arquivou uma investigação da Polícia Federal que recaía contra Temer. A apuração era sobre um manuscrito apreendido no gabinete do senador pel

Ministro de Temer fala em 'guerra letal' nas favelas e avisa que 'criança bonitinha' pode virar alvo

Ministro de Temer fala em 'guerra letal' nas favelas e avisa que 'criança bonitinha' pode virar alvo

"Você vê uma criança bonitinha, de 12 anos de idade, entrando em uma escola pública, não sabe o que ela vai fazer depois da escola. É muito complicado