Porto Velho (RO) sexta-feira, 20 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Índios bebem café da manhã com deputados e pedem o desengavetamento de Estatuto


Índios bebem café da manhã com deputados e pedem o desengavetamento de Estatuto  - Gente de Opinião


MONTEZUMA CRUZ
AGÊNCIA AMAZÔNIA

BRASÍLIA – A celebração comportou velhas reivindicações. "Não basta a gente vir aqui. Precisamos fortalecer o controle social dos nossos espaços, que são difíceis, por falta de respeito às minorias", discursou a líder Carmen Pankararu. Nesse clima, a Frente Parlamentar Ambientalista recebeu nesta quarta-feira, para um café da manhã, cerca de cem líderes indígenas e diversos representantes de órgãos federais e organizações não-governamentais, no 10º andar do Anexo IV da Câmara dos Deputados.

Com voz firme e sem exaltação, Carmen cobrou o desengavetamento do Estatuto dos Povos Indígenas e maior empenho dos parlamentares pelo funcionamento de políticas públicas voltadas para os povos. Criticou a "politicagem na saúde" e reforçou a necessidade de debater "as agressões de madeireiros, usineiros e mineradores". Ela pediu autonomia para os 34 conselhos distritais que atendem no âmbito dos estados: "Para ter condições de fazer a saúde acontecer, eles necessitam autoridade sanitária, política e administrativa".

Pontuais, os índios chegaram para o café às 7h30, meia hora antes do previsto para o início do encontro. Acomodaram-se nas mesas, conheceram parlamentares da Frente e deram entrevistas. A reunião foi aberta pelo deputado Sarney Filho (PV-MA), coordenador-geral da Frente, coadjuvado por Eduardo Valverde (PT-RO). Lá estava também o presidente da Câmara, Arlindo Chinaglia, que saudou os índios pela conquista de novos aliados.

Chinaglia lembrou que a proposta do Estatuto tramita na Câmara há 15 anos e mostrou-se disposto a intermediar uma reunião entre líderes indígenas e partidários, a fim de discutir apoio para a votação do projeto. Ao ler os nomes das etnias com representantes presentes, Valverde indagou se ainda haviam outros povos não mencionados. Ouviu vários. Exultante, o diretor de mobilização da Fundação SOS Mata Atlântica, Mário Mantovani, destacou a presença dos participantes Exultante, o diretor de mobilização da Fundação SOS Mata Atlântica, Mário Mantovani, destacou a presença dos participantes e circulou o tempo todo pelo salão do restaurante, ouvindo opiniões a respeito do encontro.

A aprovação do Estatuto é uma luta árdua e está exigindo uma correlação de forças "para evitar perdas de conquistas", reconheceu o deputado Carlos Abicalil (PT-MT). "Este encontro é a reafirmação dos compromissos dos direitos dos povos indígenas", disse. Elogiou o Acampamento Terra Livre, que neste ano reivindica uma "política mais clara para os povos indígenas" – nas palavras de um dos seus coordenadores, Sandro Tuxá. "Vocês estão simbolizando a teimosia, a permanência na terra e o zelo pela natureza".

Cerca de 800 índios estão acampados desde terça-feira na Esplanada dos Ministérios e no gramado em frente ao Congresso Nacional. A quinta edição do Acampamento Terra Livre encerra o denominado Abril Indígena, um movimento que promove atos políticos por todo o País no mês em que se comemora o Dia do Índio (19 de abril).

Fonte: Montezuma Cruz: Agênciamazônia é parceira do Gentedeopinião.

Mais Sobre Política - Nacional

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Implacável para condenar lideranças do PT na República de Curitiba, a Justiça brasileira não mostra o mesmo furor para investigar e julgar os tucanões

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que o anúncio da liberação de saques das contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviç