Domingo, 19 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Indefinição sobre reforma ministerial deixa titulares nervosos e pralisa projetos


Agência O Globo BRASÍLIA - O início do segundo mandato do governo Lula já está prestes a bater seu primeiro recorde, o de ter o mais longo processo de debate de reforma ministerial dos últimos anos, que já dura 120 dias e tem deixado os ministros interinos à beira de um ataque de nervos. Em clima de total indefinição, alguns dos ministros resolveram partir para a reação e mostrar serviço, turbinando suas pastas. Outros, no entanto, paralisaram suas ações, mesmo contando com orçamentos bilionários. As situações mais críticas ocorrem em pastas cujos titulares já sabem que vão deixar o governo: o da Saúde, Agenor Silva (responsável por um orçamento de R$ 66,3 bilhões); o de desenvolvimento Agrário, Guilherme Cassel (orçamento de R$ bilhões); e o da Justiça, Márcio Thomaz Bastos (orçamento de R$ 6,5 bilhões). Da mesma forma que os ministros que vão sair estão angustiados e querem resolver sua vida, lá fora, nomes já tidos como certos para o novo Ministério de Lula vivem a síndrome pré-reforma e não escodnem o desejo de entrar oficialmente para o time da Esplanada. A indefinição tem levado muitos a adiarem planos, cancelarem férias, viagens, providências familiares. Estão de plantão em Brasília esperando o anúncio. - Já levei muitas roupas para São Paulo, mas...- disse Thomaz Bastos, da Justiça, numa das muitas vezes em que foi perguntado sobre quando sai. Mas depois de deixar a reforma ministerial em banho-maria durante quatro meses, o presidente Lula começou a emitir sinais de que a mudança no primeiro escalão já está praticamente fechada e deve ser anunciada nos próximos dias. Mais por causa das pressões políticas que pelo receio que pelo receio de que a indefinição comprometa o andamento do governo. Lula repete, desde que foi reeleito, que o corpo técnico que está no Ministério é competente e vitorioso.

Gente de OpiniãoDomingo, 19 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou nesta sexta-feira (25) maioria de votos para determinar que a Câmara dos Deputados faça a redistribuição do

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

O Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação (SInagências) conseguiu uma solução direta do governo após intensa articulaç

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Reservas foi instaurada em Rondônia para investigar possíveis irregularidades nos processos de criação

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Na tarde dessa segunda-feira (06), o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (SECOM), Paulo Pimenta, esteve r

Gente de Opinião Domingo, 19 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)