Porto Velho (RO) segunda-feira, 18 de novembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Indefinição sobre reforma ministerial deixa titulares nervosos e pralisa projetos


Agência O GloboBRASÍLIA - O início do segundo mandato do governo Lula já está prestes a bater seu primeiro recorde, o de ter o mais longo processo de debate de reforma ministerial dos últimos anos, que já dura 120 dias e tem deixado os ministros interinos à beira de um ataque de nervos. Em clima de total indefinição, alguns dos ministros resolveram partir para a reação e mostrar serviço, turbinando suas pastas. Outros, no entanto, paralisaram suas ações, mesmo contando com orçamentos bilionários.As situações mais críticas ocorrem em pastas cujos titulares já sabem que vão deixar o governo: o da Saúde, Agenor Silva (responsável por um orçamento de R$ 66,3 bilhões); o de desenvolvimento Agrário, Guilherme Cassel (orçamento de R$ bilhões); e o da Justiça, Márcio Thomaz Bastos (orçamento de R$ 6,5 bilhões).Da mesma forma que os ministros que vão sair estão angustiados e querem resolver sua vida, lá fora, nomes já tidos como certos para o novo Ministério de Lula vivem a síndrome pré-reforma e não escodnem o desejo de entrar oficialmente para o time da Esplanada.A indefinição tem levado muitos a adiarem planos, cancelarem férias, viagens, providências familiares. Estão de plantão em Brasília esperando o anúncio.- Já levei muitas roupas para São Paulo, mas...- disse Thomaz Bastos, da Justiça, numa das muitas vezes em que foi perguntado sobre quando sai.Mas depois de deixar a reforma ministerial em banho-maria durante quatro meses, o presidente Lula começou a emitir sinais de que a mudança no primeiro escalão já está praticamente fechada e deve ser anunciada nos próximos dias. Mais por causa das pressões políticas que pelo receio que pelo receio de que a indefinição comprometa o andamento do governo. Lula repete, desde que foi reeleito, que o corpo técnico que está no Ministério é competente e vitorioso.

Mais Sobre Política - Nacional

Supremo Tribunal Federal mantém decisão que proíbe gestantes em atividade insalubre

Supremo Tribunal Federal mantém decisão que proíbe gestantes em atividade insalubre

Por unanimidade e em ambiente virtual, o Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitou recurso da Advocacia-Geral da União (AGU) e manteve a decisão, tomada

Boa notícia: Lula dará ao velho amigo 1ª entrevista fora da prisão

Boa notícia: Lula dará ao velho amigo 1ª entrevista fora da prisão

Neste ano e meio que ele está preso, não tive condições de viajar a Curitiba e fiquei esperando o amigo sair da prisão para poder falar com ele, certo

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p