Porto Velho (RO) sábado, 18 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Heloísa Helena: ou punimos os culpados ou acabamos com a democracia


Agência O GloboBELO HORIZONTE - Numa caminhada bastante tumultuada pelo centro da capital mineira, a candidata do PSOL à Presidência, Heloísa Helena, voltou a criticar a política econômica do governo Lula nesta quinta-feira. Ela disse que pretende diminuir os juros e alongar o perfil da dívida dos estados, para permitir que invistam em infra-estrutura.Sobre a máfia dos sanguessugas, a senadora reafirmou que não tem dúvidas de que o esquema começou no governo passado. Ela disse que a CPI ainda não teve condições de detectar como funcionava esse esquema, que, segundo a candidata, envolve senadores, deputados, ministros da saúde e da educação. Heloísa Helena afirmou que a CPI vai apresentar os nomes de todos os envolvidos antes das eleições e pretende lutar para que eles sejam julgados, mesmo que em plenário.Comentando a dificuldade de encontrar parlamentares no Congresso neste período pré-eleitoral, a senadora disse que ou fechamos tudo, acabamos com a democracia e começamos tudo de novo; ou temos que ter esperança para lutar e fazer com que as pessoas sejam punidas. Caso a punição não seja adotada antes das eleições, Heloísa Helena defendeu que os envolvidos nos escândalos sejam impedidos de assumir os cargos se forem reeleitos.

Mais Sobre Política - Nacional

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

BLOG NOCAUTECom informações do Poder 360A Editora Abril, que já foi a maior do Brasil, acumulou dívidas de cerca de R$ 1,6 bilhão. Só na semana passad

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

O jornalista e escritor Palmério Dória denuncia em seu Twitter o cinismo escancarado do Grupo Globo em omitir o que ele chama de 'engenharia do caos';

 Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

O desembargador do TRF-4 Rogério Fraveto, que em 8 de julho determinou a soltura do ex-presidente Lula, decisão que não foi cumprida, disse, em sua de

Grupo Abril pede recuperação judicial

Grupo Abril pede recuperação judicial

O grupo Abril entrou com um pedido recuperação judicial nesta quarta-feira (15); plano de recuperação judicial será mostrado aos credores em até 60 di