Porto Velho (RO) sexta-feira, 20 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

GREVE: Chega a R$ 1 bilhão prejuízo do Pólo Industrial de Manaus


Amanda Mota
Agência Brasil


Manaus - Já chega a R$ 1 bilhão o prejuízo acumulado pelas empresas do Pólo Industrial de Manaus (PIM) em função da greve dos auditores fiscais da Receita Federal, deflagrada no dia 18 de março. A greve nacional também é responsável pela  paralisação parcial de 18 fábricas do PIM e pela licença remunerada ou falta de trabalho no pátio das fábricas de sete mil trabalhadores, decorrente da insuficiência de insumos e componentes nas linhas de produção.

No Amazonas, onde atuam 175 auditores fiscais, apenas 30% do efetivo está cumprindo a jornada de trabalho devida na Receita Federal, no porto central e no aeroporto internacional, o que impede a liberação das matérias-primas necessária à continuidade das atividades nas fábricas de Manaus.

Segundo o presidente do Sindicato das Indústrias de Aparelhos Elétricos, Eletrônicos e Similares do Amazonas (Sinaees), Wilson Périco, "a greve dos auditores tem impacto direto no PIM e ameaça a estabilidade da economia local. O segmento eletroeletrônico é o mais prejudicado porque é o que trabalha com maior número de insumos e componentes importados". Ele avalia que os prejuízos amargados no PIM vão além das indústrias beneficiárias dos incentivos na Zona Franca de Manaus.

"São R$ 60 milhões de prejuízo que essas 18 empresas amargam diariamente há pelo menos 12 dias. E não pára por aí. Não podemos ignorar que o prejuízo não está só no que deixou de ser produzido, mas também no impacto às empresas que prestam serviço às indústrias locais, como as fornecedoras de alimentos", disse Périco.

Atualmente, buscando ultrapassar as barreiras impostas pela greve dos auditores, Sinaees, Centro das Indústrias do Estado do Amazonas (Cieam) e parte das empresas prejudicadas com a retenção de suas matérias-primas aguardam da Justiça o cumprimento de duas liminares coletivas e outras individuais para liberação dos insumos necessários à fabricação no pólo de Manaus.

Em Manaus, aproximadamente 500 fábricas estão instaladas no PIM e, no primeiro bimestre deste ano, registraram faturamento de US$ 4,3 bilhões, com alta de 30,05% em relação às exportações realizadas no primeiro bimestre de 2007. De acordo com os indicadores de desempenho da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) o resultado positivo também se reflete no número de empregos gerados: 101 mil postos de trabalho diretos nas linhas de produção.


 


 

Mais Sobre Política - Nacional

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Implacável para condenar lideranças do PT na República de Curitiba, a Justiça brasileira não mostra o mesmo furor para investigar e julgar os tucanões

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que o anúncio da liberação de saques das contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviç