Porto Velho (RO) domingo, 15 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Fechadas as primeiras viagens de Dilma ao exterior


 
Renata Giraldi e Débora Zampier
Agência Brasil

Brasília - As primeiras viagens internacionais da presidenta Dilma Rousseff serão para a Argentina, o Uruguai, os Estados Unidos e a China. Dilma também pretende ir ao Peru e à Bulgária, mas as datas ainda estão sendo fechadas pelos ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, e o assessor especial para Assuntos Internacionais da Presidência da República, Marco Aurélio Garcia.

Garcia disse hoje (2) que a agenda preliminar de viagens inclui a Argentina, o Uruguai, os Estados Unidos e a China. A China, no caso, foi incluída por ser um dos principais parceiros comerciais do Brasil.

Pela manhã, Dilma se reuniu com o presidente do Uruguai, José Mujica, no Palácio do Planalto. Na conversa, Dilma reafirmou ao colega uruguaio o compromisso de manter a cada três meses encontros bilaterais – iniciativa implementada pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Ontem (1º) Dilma conversou com a secretária de Estado dos Estados Unidos, Hillary Clinton, por cerca de 15 minutos durante a fila de cumprimentos, no Planalto. Logo depois das eleições, assessores de Dilma e do presidente norte-americano, Barack Obama, acertaram uma reunião entre ambos para o primeiro semestre deste ano. Os temas do encontro vão desde uso de energia limpa até direitos humanos.

Na tarde de hoje, Patriota se reuniu com o ministro das Relações Exteriores da Argentina, Héctor Timermann. Ele entregou a Dilma uma carta da presidente da Argentina, Cristina Kirchner, na qual trata do compromisso de ratificar as relações bilaterais.

No dia 31, Dilma se reuniu com o primeiro-ministro da Bulgária, Bokoy Borissov. Na ocasião, ele convidou a presidenta da República a visitar o país de origem da família de seu pai – Petar Rousseff. A ideia é que a visita ocorra a partir de junho.

Mais Sobre Política - Nacional

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Implacável para condenar lideranças do PT na República de Curitiba, a Justiça brasileira não mostra o mesmo furor para investigar e julgar os tucanões

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que o anúncio da liberação de saques das contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviç