Porto Velho (RO) sábado, 21 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Fátima é a nova coordenadora da Frente Parlamentar pela Cidadania GLBT


 
A deputada Cida Diogo (PT-RJ) passou a coordenação da Frente Parlamentar pela cidadania GLBT (Gays, Lésbica, Bissexuais e Transexuais) para a senadora Fátima Cleide (PT-RO), na tarde desta sexta-feira (6), no 2º dia da Conferência Nacional GLBT realizada em Brasília.

Formada por deputados e senadores, a Frente é constituída por 236 parlamentares que atuam no Congresso Nacional, defendendo os direitos e a cidadania de gays, lésbicas, travestis, transexuais e bissexuais. Cida coordenava a Frente desde o ano passado.

Conferência Nacional GLBT

Durante o evento, a senadora Fátima, relatora do PLC 122/06 - que tipifica no Código Penal os crimes decorrentes de discriminação e preconceito contra o comportamento homoafetivo - defendeu o projeto. "Estamos lutando para que o PLC 122 seja aprovado na Comissão de Assuntos Sociais e na de Direitos Humanos. Pois precisamos responder se é legítimo tornar crime o preconceito. A sociedade precisa dessa resposta. Se não, várias pessoas continuarão morrendo pelo fato de serem homossexuais", frisou Fátima.

Como o Estado brasileiro não tem estatísticas de assassinatos de pessoas homoafetivas, o grupo gay da Bahia, Arco Íris, realizou um levantamento em jornais impressos e on line para verificar quantos indivíduos são assassinados. Verificou-se que em 2007 pelo menos 122 pessoas morreram pelo fato de serem homossexuais. "Se não respondermos à sociedade hoje, que morre uma pessoa a cada três dias, amanhã podem morrer três, quatro, cinco pessoas a cada três dias porque não demos a resposta certa", disse Fátima.

A senadora Fátima lembrou que existe o serviço gratuito Alô Senado, cujo o número é 0800612211 e destina-se ao recebimento de sugestões e reclamações dos cidadãos. "Liguem e manifestem-se a favor do PLC 122", ressaltou. 

Fonte: Henrique Teixeira

 

Mais Sobre Política - Nacional

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Implacável para condenar lideranças do PT na República de Curitiba, a Justiça brasileira não mostra o mesmo furor para investigar e julgar os tucanões

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que o anúncio da liberação de saques das contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviç