Porto Velho (RO) segunda-feira, 23 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Em Curitiba, Dilma diz que chegou a hora do país eleger uma mulher para presidente




Lúcia Nórcio
Agência Brasil

Curitiba – Ao participar de comício na noite de ontem (22), em Curitiba, a candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, disse que é hora de a sociedade brasileira reafirmar não tolera mais o preconceito. “Os brasileiros já acabaram com o preconceito de que só a elite pode governador e viram um metalúrgico fazer o que nenhum outro presidente do Brasil havia feito. Agora, é preciso acabar com o preconceito de que uma mulher não poder governar”, discursou Dilma, que estava acompanhada do presidente Luiz Inácio Lula da Silva na capital paranaense.

A petista também criticou as mentiras e falsidades. “Vamos combater o ódio que estão tentando destilar, com duas coisas: esperança e imenso amor ao povo brasileiro, que é pacífico e trabalhador”, afirmou ela, durante o comício, que reuniu cerca de 20 mil pessoas no centro de Curitiba.

Em seu discurso, Lula falou sobre seu governo. “Estou orgulhoso em dizer que entregarei o governo com um saldo em caixa de US$ 271 bilhões”. Ele afirmou ainda que a eleição de Dilma representa a continuidade dos programas do governo que tiraram milhões de pessoas da pobreza e deram dignidade para elas.


 

Mais Sobre Política - Nacional

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Implacável para condenar lideranças do PT na República de Curitiba, a Justiça brasileira não mostra o mesmo furor para investigar e julgar os tucanões

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que o anúncio da liberação de saques das contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviç