Porto Velho (RO) sexta-feira, 17 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Educar pessoas com deficiência é dever das redes pública e particular


Em artigo no jornal Folha de S. Paulo, dois procuradores de São Paulo discutem a inclusão de alunos com deficiência nas escolas particulares do País. Assinam o texto o procurador-geral de Justiça, Rodrigo César Rebello Pinho, e a procuradora de Justiça Vânia Maria Ruffini Penteado Balera, que também é coordenadora do Centro de Apoio das Promotorias Cíveis, do Idoso e da Pessoa com Deficiência.

Os articulistas abordam decisão polêmica da Justiça paulista – recentemente noticiada na mídia – segundo a qual não há legislação que obrigue as escolas particulares a acolherem pessoa com deficiências. Apenas a rede pública estaria obrigada a receber matrículas nessas condições.

De acordo com o artigo, é dever do Estado garantir o atendimento educacional especializado a essas pessoas, preferencialmente na rede regular de ensino. “A inclusão é um direito e tem de caminhar ao lado da educação.

O processo já está em curso e exige reflexão de toda a sociedade. Nada mais segregador que separar crianças da rede particular de ensino da convivência com a diversidade ou colocar tão-somente na rede pública crianças com deficiência, privando-as da convivência com as demais”, ressaltam os procuradores.

Fonte: Andi - (Folha de S. Paulo – SP, Rodrigo César Rebello Pinho e Vânia Maria Ruffini Penteado Balera)


 

Mais Sobre Política - Nacional

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

O jornalista e escritor Palmério Dória denuncia em seu Twitter o cinismo escancarado do Grupo Globo em omitir o que ele chama de 'engenharia do caos';

 Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

O desembargador do TRF-4 Rogério Fraveto, que em 8 de julho determinou a soltura do ex-presidente Lula, decisão que não foi cumprida, disse, em sua de

Grupo Abril pede recuperação judicial

Grupo Abril pede recuperação judicial

O grupo Abril entrou com um pedido recuperação judicial nesta quarta-feira (15); plano de recuperação judicial será mostrado aos credores em até 60 di

Sonegação de R$ 26 bi do Itaú vai a julgamento. É a maior da história

Sonegação de R$ 26 bi do Itaú vai a julgamento. É a maior da história

Está revogada a decisão do Carf que havia livrado o banco de pagamento de multa de R$ 26 bilhões por sonegação de impostos; é a maior da história...