Porto Velho (RO) segunda-feira, 19 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

'É mais fácil subir numa mangueira do que nas pesquisas'


Letícia Lins - Agência O GloboRECIFE - Com apenas 1% nas pesquisas de intenção de voto, o candidato do PDT à presidência, Cristovam Buarque, deixou escapar no sábado um comentário bem-humorado, mas preocupante para quem está a dois meses da disputa pelas urnas e não consegue decolar na preferência do eleitorado:- É mais fácil subir numa mangueira do que nas pesquisas- disse, ao escalar o tronco da velha árvore do quintal vizinho ao de sua infância, onde costumava subir para tirar frutas com os colegas da Rua 12 de Outubro, no bairro dos Aflitos, onde ele esteve neste domingo.- Vamos esperar outubro. Mas numa árvore se sobe em centímetros, já nas pesquisas, quando isso acontece, é em milhões de votos. E eu comecei agora - afirmou Cristovam, que estava gravando cenas para o programa eleitoral gratuito na casa onde nasceu e foi criado.

Mais Sobre Política - Nacional

O presidente eleito Jair Bolsonaro diz que soberania e leis do Brasil devem ser respeitadas

O presidente eleito Jair Bolsonaro diz que soberania e leis do Brasil devem ser respeitadas

Em meio a reações como a do governo cubano que decidiu suspender a parceira com o Programa Mais Médicos, o presidente eleito Jair Bolsonaro voltou a

O registro de plantas e flores ornamentais será debatido no Senado

O registro de plantas e flores ornamentais será debatido no Senado

Pelo projeto, o produtor que desenvolver uma nova cor de orquídea pode ser liberado da inscrever o produto no RNCA Comissão de Agricultura e Reforma A

 JUSTIÇA SUÍÇA APONTA R$ 43,2 MILHÕES EM FINANCIAMENTO ILEGAL DE SERRA

JUSTIÇA SUÍÇA APONTA R$ 43,2 MILHÕES EM FINANCIAMENTO ILEGAL DE SERRA

Dinheiro para financiar a campanha presidencial do PSDB

Jair Bolsonaro diz que programa Mais Médicos não será suspenso

Jair Bolsonaro diz que programa Mais Médicos não será suspenso

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, disse ontem (14) que manterá o programa Mais Médicos e vai substituir os cerca de 8.500 profissionais cubanos p