Porto Velho (RO) quarta-feira, 21 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Disputa em torno de diploma para jornalista chega ao STF


Carolina Brígido - Agência O GloboBRASÍLIA - A polêmica sobre a obrigatoriedade de ser formado em jornalismo para exercer a profissão chegou ao Supremo Tribunal Federal (STF). O Ministério Público recorreu à última instância do Judiciário para tentar reverter uma decisão da Justiça paulista, que manteve a necessidade de apresentação do diploma em jornalismo para obtenção do registro profissional. O procurador-geral da República, Antonio Fernando de Souza, pede que a exigência do diploma seja suspensa em caráter liminar, até que o STF julgue o mérito do assunto.Em 2001, o Ministério Público entrou com uma ação civil pública na Justiça Federal de São Paulo pedindo que a União não fosse mais obrigada a fornecer registro profissional para diplomados em jornalismo. Também pediu que o registro não fosse mais obrigatório para exercer a profissão. A primeira instância concordou com o pedido e, além disso, determinou que a União não fiscalizasse mais se a profissão estava sendo exercida por profissionais sem diploma.Daí seguiu-se uma guerra Judicial. A União, a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) e o Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de São Paulo entraram com recurso no Tribunal Regional Federal (TRF) e saíram vitoriosos. Em seguida, o Ministério Público recorreu da decisão do TRF alegando que a Constituição Federal não prevê que jornalistas tenham de cumprir requisitos para exercer a profissão.Na ação ajuizada nesta quarta, o procurador-geral pede que o diploma volte a ser desconsiderado para a atividade profissional em caráter liminar, até que o próprio STF julgue o recurso do Ministério Público à decisão do TRF.

Mais Sobre Política - Nacional

Sergio Moro escolhe delegados da Lava Jato para PF e departamento do MJ

Sergio Moro escolhe delegados da Lava Jato para PF e departamento do MJ

O juiz federal Sergio Moro, que assumirá o Ministério da Justiça no próximo governo, confirmou hoje (20) os nomes dos delegados Maurício Valeixo pa

Paulo Guedes quer secretaria de privatizações para acelerar a venda de ativos

Paulo Guedes quer secretaria de privatizações para acelerar a venda de ativos

O futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, pretende criar uma Secretaria de Privatizações no governo do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) par

Haddad vira réu por corrupção passiva e lavagem de dinheiro

Haddad vira réu por corrupção passiva e lavagem de dinheiro

É a primeira vez que o petista se torna réu em ação criminal

O presidente eleito Jair Bolsonaro diz que soberania e leis do Brasil devem ser respeitadas

O presidente eleito Jair Bolsonaro diz que soberania e leis do Brasil devem ser respeitadas

Em meio a reações como a do governo cubano que decidiu suspender a parceira com o Programa Mais Médicos, o presidente eleito Jair Bolsonaro voltou a