Porto Velho (RO) terça-feira, 20 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Datafolha rebate críticas de Alckmin


Plínio Teodoro, Agência O GloboSÃO PAULO - O diretor-geral do Instituto Datafolha, Mauro Paulino, rebateu as críticas do candidato do PSDB à presidência, Geraldo Alckmin, aos resultados da última pesquisa que indica que a diferença entre ele e o presidente Lula aumentou. Segundo ele, Alckmin agiu como qualquer candidato que aparece em desvantagens nas pesquisas eleitorais.O diretor do Datafolha ressaltou que a metodologia de fluxo, que ouve as pessoas nas ruas, comprovadamente atinge os mesmos resultados das pesquisas domiciliares, que ouve os eleitores em suas casas. Segundo Paulino, a metodologia está sendo cada vez mais utilizada como alternativa aos problemas de acesso aos domicílios que os pesquisadores encontram tanto em edifícios residenciais como em favelas nos grandes centros urbanos.- Isto é tricologia de campanha. Alckmin está agindo como qualquer candidato age quando vai mal nas pesquisas. Será que ele considera errada as pesquisas divulgadas no primeiro turno que mostram a aprovação do governo dele? - provocou Paulino.

Mais Sobre Política - Nacional

Sergio Moro escolhe delegados da Lava Jato para PF e departamento do MJ

Sergio Moro escolhe delegados da Lava Jato para PF e departamento do MJ

O juiz federal Sergio Moro, que assumirá o Ministério da Justiça no próximo governo, confirmou hoje (20) os nomes dos delegados Maurício Valeixo pa

Paulo Guedes quer secretaria de privatizações para acelerar a venda de ativos

Paulo Guedes quer secretaria de privatizações para acelerar a venda de ativos

O futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, pretende criar uma Secretaria de Privatizações no governo do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) par

Haddad vira réu por corrupção passiva e lavagem de dinheiro

Haddad vira réu por corrupção passiva e lavagem de dinheiro

É a primeira vez que o petista se torna réu em ação criminal

O presidente eleito Jair Bolsonaro diz que soberania e leis do Brasil devem ser respeitadas

O presidente eleito Jair Bolsonaro diz que soberania e leis do Brasil devem ser respeitadas

Em meio a reações como a do governo cubano que decidiu suspender a parceira com o Programa Mais Médicos, o presidente eleito Jair Bolsonaro voltou a