Porto Velho (RO) sexta-feira, 22 de março de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Datafolha indica chance de 2º turno entre Lula e Alckmin


Agência O GloboRIO - A última pesquisa do Datafolha divulgada antes das eleições presidenciais deste domingo indica a possibilidade de 2º turno. O candidato Luís Inácio Lula da Silva (PT) tem o mesmo número de votos válidos que os seus adversários. A margem de erro da pesquisa é de 2%.Segundo o Datafolha, Lula caiu de 49% para 46% em relação a pesquisa anterior, divulgada no dia 27 de setembro. Alckmin (PSDB), que tinha 33% no dia 27, subiu para 35%.Heloísa Helena (PSOL) manteve 8% dos votos e Cristóvam Buarque (PDT), 2%. Os outros candidatos somam 1% e os votos brancos e nulos, 4%. Os eleitores indecisos são 5%.Considerando apenas os votos válidos, que descontam brancos, nulos e indecisos, o candidato petista teria 50% dos votos. Alckmin aparece na pesquisa com 38%, Heloísa Helena com 9%, Cristóvam Buarque com 2% e os outros candidatos somados com 1%. Com a margem de erro, Lula teria entre 48% e 52%.O Datafolha também ouviu os eleitores sobre a possibilidade de um 2º turno entre Lula e Alckmin. Na pesquisa, Lula tinha 52% no dia 27 de setembro e agora caiu para 49%. Alckmin subiu de 41% para 44%.A pesquisa foi encomendada pela Rede Globo e o Datafolha ouviu 14.798 pessoas em 409 municípios entre os dias 29 e 30 de setembro. A pesquisa foi registrada no TSE sob o número 20.036/2006.

Mais Sobre Política - Nacional

Câmara dos Deputados: CCJC aprova projeto de política nacional de prevenção ao suicídio

Câmara dos Deputados: CCJC aprova projeto de política nacional de prevenção ao suicídio

A deputada federal Mariana Carvalho (PSDB-RO), informou que Câmara dos Deputados, por meio da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC)

Vídeo: Mariana Carvalho comemora a aprovação do seu projeto em que o agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

Vídeo: Mariana Carvalho comemora a aprovação do seu projeto em que o agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

Projeto da deputada Mariana Carvalho (PSDB-RO) e do deputado Rafael Motta (PSB-RN) é aprovado no Senado Federal. O projeto determina que o agressor

APROVADO – Agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

APROVADO – Agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

O Plenário do Senado aprovou, nesta terça-feira (19), projeto que determina que o agressor nos casos de violência doméstica e familiar será obrigado a

Câmara dos Deputados aprova prioridade de matrícula para filhos de mulher vítima de violência

Câmara dos Deputados aprova prioridade de matrícula para filhos de mulher vítima de violência

Proposta permite ao juiz determinar a matrícula ou transferência de dependentes da mulher vítima de violência independentemente da existência de vagaO