Porto Velho (RO) quarta-feira, 24 de abril de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Cristovam nega que vá pedir impeachment. Já OAB não descarta a possibilidade


Raquel Miura - Agência O GloboBRASÍLIA - O candidato do PDT a presidente da República, senador Cristovam Buarque, voltou a cobrar explicações do candidato do PT à reeleição, presidente Luiz Inácio Lula da Silva, sobre o suposto dossiê contra tucanos, mas descartou a possibilidade de pedir o impeachment do petista. Segundo ele, o impeachment só vale se houver iniciativa popular. - Quero deixar claro que eu não vou pedir impeachment em hipótese nenhuma. Não serei eu que irei tomar essa iniciativa. Impeachment é algo sério demais para uma só pessoa tomar. Se todo mundo sair às ruas pedindo o afastamento de Lula, aí eu também apoiarei porque seria uma iniciativa do povo - disse.Nesta quarta-feira, o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Roberto Busato, voltou a falar sobre a proposta de impeachment do presidente. Segundo ele, a OAB pode voltar a analisar a proposta, mas para isso será necessário esperar o término das eleições e um eventual agravamento da crise, com novos indícios que envolvam Lula à tentativa de compra do suposto dossiê.- A OAB deixou de ir ao Congresso com o pedido de impeachment com base em dois pressupostos: o primeiro era a inoportunidade pelo calendário eleitoral. Se ocorrer a eleição no primeiro turno, essa realidade cai por terra. E o segundo pressuposto é o da confiabilidade da Câmara em função dos problemas havidos nessa legislatura. Isso continua pendente. Portanto, na OAB não se fala em impeachment - disse.Pressionado pelos repórteres se o quadro mudaria com a eleição de novos parlamentares, Busato concordou que isso poderia ensejar um novo pedido de impeachment.- Aí já muda o quadro. As duas premissas em que a Ordem se baseou para não pedir o impeachment deixam de existir. Se houve clima para tanto, em face de algumas evidências que possam ser encontradas, ou um grande debate na instituição, isso pode voltar à tona.Nesta terça-feira, o ministro das Relações Institucionais, Tarso Genro, chegou a fazer uma crítica indireta à OAB por causa da tese de impeachment defendida por Busato. Tarso disse que falará no momento oportuno sobre o comportamento da OAB, mas ressaltou que essa atitude não é positiva para a dignidade dessa corporação.

Mais Sobre Política - Nacional

Senador Marcos Rogério sugere o afastamento cautelar de diretor-geral da ANTT

Senador Marcos Rogério sugere o afastamento cautelar de diretor-geral da ANTT

Na manhã desta terça-feira, durante a abertura da reunião da Comissão de Infraestrutura, o senador Marcos Rogério sugeriu o afastamento cautelar do

Cultura: Contratos de patrocínio da Petrobras passam por revisão, diz Jair Bolsonaro

Cultura: Contratos de patrocínio da Petrobras passam por revisão, diz Jair Bolsonaro

O governo federal determinou a revisão dos contratos da Petrobras que estão em vigor para patrocínios ligados ao setor de cultura. Em publicação hoje 

Decreto de Jair Bolsonaro extingue centenas de canais de participação social em políticas públicas

Decreto de Jair Bolsonaro extingue centenas de canais de participação social em políticas públicas

No pacote divulgado ontem (11) para marcar os 100 dias de governo, o presidente Jair Bolsonaro assinou o Decreto 9.759, que pretende diminuir de 700 p

Senador Confúcio Moura faz intervenção e ministro da Saúde manterá tratamento de saúde especial aos indígenas

Senador Confúcio Moura faz intervenção e ministro da Saúde manterá tratamento de saúde especial aos indígenas

Diversas lideranças indígenas procuraram os vereadores Joveci do Pacarana (PSDB) e Adão Salvatico (PRB), em Espigão do Oeste, para tentar impedir a ex