Porto Velho (RO) sábado, 19 de janeiro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

CPI: 86% das armas do crime têm origem legal


Agência O GloboRIO - Diferentemente do que afirmavam fabricantes e comerciantes de armamento no país, as armas usadas pelos criminosos do Rio saem de lojas, de empresas de segurança privada e das forças públicas de segurança, como polícias estaduais e Forças Armadas, segundo relatório da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) sobre Organizações Criminosas do Tráfico de Armas divulgado ontem no Congresso Nacional.Pela conclusão da CPI, 86% das armas usadas pelos criminosos têm origem legal: 68% foram vendidas por empresas brasileiras diretamente para lojas localizadas em Nova Iguaçu, Rio de Janeiro, Niterói, Duque de Caxias, Nilópolis, Campos e São João do Meriti, além de outras localizadas em São Paulo, Assunção e Pedro Juan Caballero, no Paraguai. As demais 18% são armas que foram compradas pelo poder público e desviadas para o crime.Os dados estão num documento elaborado pela sub-relatoria de Indústria, Comércio e Colecionadores, Atiradores e Caçadores da CPI, a partir da análise de informações inéditas enviadas pelos fabricantes brasileiros. Foi feito o rastreamento de 10.549 armas apreendidas pela polícia no Estado do Rio entre 1998 e 2003, todas envolvidas em situação ilegal ou de delitos no momento da apreensão. As informações foram cruzadas pelo Sistema Nacional de Armas (Sinarm) da Polícia Federal.

Mais Sobre Política - Nacional

HASTA LA VISTA, BAMBINO

HASTA LA VISTA, BAMBINO

Césare Battisti buscou a proteção de Evo Morales, seu aliado de esquerda.

Jair Bolsanaro assina decreto e  pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

Jair Bolsanaro assina decreto e pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

A partir do decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro hoje (15), no Palácio do Planalto, cidadãos brasileiros com mais de 25 anos poderão compra

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

São casos exemplares que demonstram comportamentos opostos dos governos

Governo de Bolsanaro vai fazer pente fino em 2 milhões de benefícios do INSS

Governo de Bolsanaro vai fazer pente fino em 2 milhões de benefícios do INSS

O governo federal vai fazer uma auditoria em 2 milhões de benefícios pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que têm indícios de irregul