Porto Velho (RO) sexta-feira, 18 de janeiro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Conselho de Ética quer mudar regra para acelerar processos


Agência O GloboBRASÍLIA - O presidente do Conselho de Ética, Ricardo Izar (PTB-SP), afirmou que o ritmo dos processos a serem abertos contra os deputados acusados de envolvimento na máfia das ambulâncias pode ser acelerado com uma mudança regimental. Para ele, os prazos do conselho devem ser vinculados não a sessões do plenário da Câmara, mas a reuniões do próprio conselho.Izar, que se reuniu nesta manhã com integrantes da CPI dos Sanguessugas, disse que pretende conversar com o presidente da Câmara, Aldo Rebelo, ainda nesta terça-feira para tratar do assunto. O deputado lembrou que o primeiro relatório da CPI chegará às mãos de Aldo no dia 10 de agosto e deverá seguir para o conselho. Segundo ele, no mesmo dia serão nomeados os relatores de cada processo e notificados os deputados, que terão o prazo de cinco sessões do plenário para apresentação de defesa prévia.Izar observou que, se mantida a vinculação dos prazos às sessões da Câmara, não será possível encerrar os processos neste ano. Nesta quarta-feira, segundo Izar, haverá uma reunião do Conselho de Ética com o objetivo de preparar os conselheiros para o recebimento do relatório.Izar considerou difícil a votação no mesmo dia dos processos contra os deputados que têm depósitos comprovados em suas contas correntes. A sugestão foi feita pelo deputado Fernando Gabeira (PV-RJ).Para o presidente do Conselho de Ética, a proposta seria possível se os casos fossem idênticos. No entanto, Izar observou que essa decisão caberá ao plenário do conselho. Ele disse ainda que vai se empenhar para que o colegiado se reúna duas vezes por semana, mesmo no período eleitoral.

Mais Sobre Política - Nacional

HASTA LA VISTA, BAMBINO

HASTA LA VISTA, BAMBINO

Césare Battisti buscou a proteção de Evo Morales, seu aliado de esquerda.

Jair Bolsanaro assina decreto e  pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

Jair Bolsanaro assina decreto e pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

A partir do decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro hoje (15), no Palácio do Planalto, cidadãos brasileiros com mais de 25 anos poderão compra

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

São casos exemplares que demonstram comportamentos opostos dos governos

Governo de Bolsanaro vai fazer pente fino em 2 milhões de benefícios do INSS

Governo de Bolsanaro vai fazer pente fino em 2 milhões de benefícios do INSS

O governo federal vai fazer uma auditoria em 2 milhões de benefícios pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que têm indícios de irregul