Porto Velho (RO) sexta-feira, 18 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Collor já está em campanha


Agência O GloboBRASÍLIA - O prazo para registro de candidaturas para as eleições de outubro deste ano terminou em 7 de julho, mas a cada dia novos políticos apresentam pedidos de registro junto aos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs). São as chamadas substituições de candidaturas, autorizadas por lei nas hipóteses de renúncia, morte ou declaração de inelegibilidade de algum candidato.Também podem ser substituídos aqueles que tiverem suas candidaturas indeferidas (negadas) ou canceladas. Com base na legislação eleitoral, o ex-presidente Fernando Collor de Mello pediu, nesta quarta-feira, registro de candidato ao Senado pelo Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB).Collor entra na vaga do presidente do partido em Alagoas, Eraldo Firmino, que renunciou em favor do ex-presidente. A candidatura ainda depende de aprovação pelo Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas mas a campanha, segundo o presidente do partido, já está nas ruas. Nesta sexta-feira, Collor fará sua primeira participação no horário eleitoral gratuito.Segundo Firmino, o partido vinha insistindo para que o ex-presidente concorresse a algum cargo desde a convenção nacional, em 30 de junho.- Ele sempre manteve uma performance eleitoral muito boa, mas vinha resistindo à candidatura, dizendo que já tinha uma vida política realizada e que não era o momento de voltar - conta o presidente do PRTB.- A renúncia foi um ato de coragem do partido, acreditando que ele acabaria aceitando - revela. Firmino diz que a renúncia foi apresentada no dia 23 deste mês - pela lei, o nome do substituto deve ser apresentado até 10 dias após do fato (no caso, a renúncia) ou da decisão judicial que deu origem à substituição. A regra está no art. 13 da na Lei 9504/97, que estabelece normas para as eleições.

Mais Sobre Política - Nacional

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que