Porto Velho (RO) quarta-feira, 21 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

CNT/Sensus: 80,1% não votariam em candidatos investigados pela CPI dos Sanguessugas


Adriana Vasconcelos - (Agência O Globo)BRASÍLIA - A esmagadora maioria dos dois mil entrevistados na pesquisa CNT/Sensus de agosto não pretende votar em candidatos investigados pela CPI dos Sanguessugas. De acordo com o levantamento, 80,1% não votariam em candidatos suspeitos de envolvimento no esquema de fraudes e somente 5,5% admitem votar neles. Outros 12% vão se informar melhor antes de decidir o voto.Para 48,4% dos entrevistados, os nomes dos envolvidos devem ser divulgados mesmo quando existam apenas suspeitas contra eles. Outros 43% acham que a divulgação só deve ocorrer quando houver comprovação de seu envolvimento. Para 42,3%, a divulgação dos nomes vai ajudar a acabar com a corrupção, enquanto 49,1% acham que não vai mudar nada.Indagados sobre os critérios usados para decidir o voto, 39,9% apontaram o conhecimento prévio dos candidatos, 22,5% pretendem fazer a escolha com base nos programas eleitorais, 19,3% vão esperar os debates na televisão, 7,4% escolherão pelo contato pessoal com o candidato e 1%, pelas notícias publicadas na internet. Para 49,6%, é preciso observar as propostas dos candidatos. Outros 34,1% apontam as qualidades pessoais e 7,4%, os partidos políticos.

Mais Sobre Política - Nacional

Sergio Moro escolhe delegados da Lava Jato para PF e departamento do MJ

Sergio Moro escolhe delegados da Lava Jato para PF e departamento do MJ

O juiz federal Sergio Moro, que assumirá o Ministério da Justiça no próximo governo, confirmou hoje (20) os nomes dos delegados Maurício Valeixo pa

Paulo Guedes quer secretaria de privatizações para acelerar a venda de ativos

Paulo Guedes quer secretaria de privatizações para acelerar a venda de ativos

O futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, pretende criar uma Secretaria de Privatizações no governo do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) par

Haddad vira réu por corrupção passiva e lavagem de dinheiro

Haddad vira réu por corrupção passiva e lavagem de dinheiro

É a primeira vez que o petista se torna réu em ação criminal

O presidente eleito Jair Bolsonaro diz que soberania e leis do Brasil devem ser respeitadas

O presidente eleito Jair Bolsonaro diz que soberania e leis do Brasil devem ser respeitadas

Em meio a reações como a do governo cubano que decidiu suspender a parceira com o Programa Mais Médicos, o presidente eleito Jair Bolsonaro voltou a