Porto Velho (RO) terça-feira, 10 de dezembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

CNM: mais de 28% dos municípios estão com irregularidades previdenciárias


 
Mais de 28% dos municípios brasileiros estão com irregularidades previdenciárias, de acordo com o levantamento realizado pela Confederação Nacional de Municípios (CNM). Dados do Cadastro Único de Convênios (Cauc) de fevereiro analisados pela CNM, constaram que 1.567 municípios (28,2% do total) contêm irregularidades na Certidão Negativa de Débito Previdenciário (CND).
 
O Pará é o estado com a maior proporção de municípios com a CND a comprovar, totalizando 108 nesta situação, 75,5% do total. Em seguida, vêm o Amapá (68,8%) e o Amazonas (66,1%).
 
Os municípios paulistas são os que possuem o menor percentual de irregularidades na CND (7,4%), sendo seguidos pelos municípios gaúchos (8,5%). Quando o Cauc aponta que existe uma irregularidade na CND do município, este fica impedido de receber transferências voluntárias de recursos da União e dos estados, ocasionando uma série de dificuldades na captação de recursos, o que pode interferir no desenvolvimento local de muitas comunidades.

No que diz respeito à Certidão de Regularidade Previdenciária (CRP), a CNM constatou que 1.584 municípios – 28,5% do total – estão com essa pendência no Cauc. Alagoas é o estado com a maior proporção de municípios com problemas com CRP (46,7% dos seus municípios), sendo seguido pelo Piauí (43%). O Acre, o Ceará e o Rio Grande do Sul são os que apresentam menor proporção de municípios com problemas nesta área.
 
Em busca de um debate mais amplo com os gestores municipais sobre o endividamento dos municípios junto ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e de uma elaboração conjunta de propostas eficazes que amenizem o impacto da previdência nas finanças municipais, a CNM está convidando prefeitos, gestores dos fundos e institutos de previdência social, secretários municipais de finanças e administração, procuradores jurídicos municipais e vereadores para participar da “Mobilização Municipalista sobre Previdência”, que acontecerá no dia 11 de março, a partir das 9 horas, no Auditório Petrônio Portela, no Senado Federal, em Brasília (DF).

Fonte: Confederação dos Municípios

Mais Sobre Política - Nacional

Jaqueline Cassol cobra votação da MP que garante Revalida

Jaqueline Cassol cobra votação da MP que garante Revalida

A deputada federal Jaqueline Cassol (PP-RO) cobrou do presidente Rodrigo Maia (DEM-RJ) a votação, antes que encerre o prazo, da Medida Provisórias cri

Supremo Tribunal Federal mantém decisão que proíbe gestantes em atividade insalubre

Supremo Tribunal Federal mantém decisão que proíbe gestantes em atividade insalubre

Por unanimidade e em ambiente virtual, o Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitou recurso da Advocacia-Geral da União (AGU) e manteve a decisão, tomada

Boa notícia: Lula dará ao velho amigo 1ª entrevista fora da prisão

Boa notícia: Lula dará ao velho amigo 1ª entrevista fora da prisão

Neste ano e meio que ele está preso, não tive condições de viajar a Curitiba e fiquei esperando o amigo sair da prisão para poder falar com ele, certo

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p