Porto Velho (RO) segunda-feira, 30 de novembro de 2020
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Chuva inunda 2.500 casas no Sul e deve atingir Sudeste


Agência O Globo RIO - A região metropolitana de Curitiba amanheceu debaixo de forte chuva neste sábado. A chuva começou na noite de sexta-feira e continuou por toda a madrugada. Em São José dos Pinhais, na região metropolitana, um rio que corta 17 bairros inundou mais de 2.500 casas, e um carro foi levado pela água. Durante a inundação, os moradores viveram momentos de desespero. A água chegou próxima a janela da casa do auxiliar de produção Evandro Torres. No sábado, ele passou a manhã fazendo a limpeza. - Trabalhar dois anos pra conseguir tudo, e de repente em minutos perder tudo é uma tristeza muito grande - disse. Em 15 minutos, o rio que passa próximo ao bairro subiu um metro e meio. A força da água era tanta que em pouco instantes derrubou murros e invadiu as casas. Os moradores tiveram que fugir da enxurrada e não conseguiram salvar quase nada.

Segundo a Defesa Civil, não há desabrigados - porque a água baixou rapidamente, e os moradores preferiram não deixar as casas. Os prejuízos ainda não foram contabilizados. A região central do Rio Grande do Sul também foi atingida por chuvas fortes na madrugada deste sábado. Em Caçapava do Sul, entre 1h e 10h, a precipitação acumulada foi superior a 40 milímetros. Em Santa Maria, a chuva registrada até o momento é de 20 milímetros.

Também choveu, mas em menor quantidade, em Rio Pardo, Alegrete, Rio Grande e Camaquã. Em Porto Alegre, o total acumulado de chuva chegou a 10 milímetros na estação do Instituto Nacional de Meteorologia. A Defesa Civil do estado não registrou estragos. Defesa Civil alerta para mais chuvas no fim de semana Além do Paraná, a Secretaria Nacional de Defesa Civil (Sedec) alerta para a possibilidade de chuva forte também em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul.

Até domingo, o temporal deve chegar ao Sudeste e ao Centro-Oeste, atingindo Goiás, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais. A Sedec não descarta a possibilidade de queda de granizo nos estados da região Sul. De acordo com a secretaria, em alguns momentos a chuva poderá vir acompanhada de descargas elétricas e rajadas de vento de até 60 km/hora em nove estados: Santa Catarina, Paraná, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Mato Grosso do Sul, São Paulo, Mato Grosso, Goiás e Minas Gerais. Os moradores devem ficar atentos ao risco de deslizamento de barreiras.

A Sedec recomenda atenção redobrada nas áreas de encostas e morros dos estados do Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais, pois devido as freqüentes chuvas o solo está bastante encharcado, o que aumenta o risco de deslizamento.

Mais Sobre Política - Nacional

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

A deputada federal Mariana Carvalho (PSDB-RO) defendeu nesta quinta-feira (2) as medidas que estão sendo aprovadas pela Câmara e pelo Senado no

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

O deputado federal Lucio Mosquini é o relator revisor da MP 924/2020, conhecida como MP do Enfrentamento do coronavírus. O Senador Eduardo Gomes també

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Rede Brasil Atual - Deputados da oposição anunciaram hoje (5) que vão apresentar denúncia no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o ministro da Edu