Porto Velho (RO) quarta-feira, 23 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Chuva inunda 2.500 casas no Sul e deve atingir Sudeste


Agência O GloboRIO - A região metropolitana de Curitiba amanheceu debaixo de forte chuva neste sábado. A chuva começou na noite de sexta-feira e continuou por toda a madrugada. Em São José dos Pinhais, na região metropolitana, um rio que corta 17 bairros inundou mais de 2.500 casas, e um carro foi levado pela água.Durante a inundação, os moradores viveram momentos de desespero. A água chegou próxima a janela da casa do auxiliar de produção Evandro Torres. No sábado, ele passou a manhã fazendo a limpeza.- Trabalhar dois anos pra conseguir tudo, e de repente em minutos perder tudo é uma tristeza muito grande - disse.Em 15 minutos, o rio que passa próximo ao bairro subiu um metro e meio. A força da água era tanta que em pouco instantes derrubou murros e invadiu as casas. Os moradores tiveram que fugir da enxurrada e não conseguiram salvar quase nada.

Segundo a Defesa Civil, não há desabrigados - porque a água baixou rapidamente, e os moradores preferiram não deixar as casas. Os prejuízos ainda não foram contabilizados.A região central do Rio Grande do Sul também foi atingida por chuvas fortes na madrugada deste sábado. Em Caçapava do Sul, entre 1h e 10h, a precipitação acumulada foi superior a 40 milímetros. Em Santa Maria, a chuva registrada até o momento é de 20 milímetros.

Também choveu, mas em menor quantidade, em Rio Pardo, Alegrete, Rio Grande e Camaquã.Em Porto Alegre, o total acumulado de chuva chegou a 10 milímetros na estação do Instituto Nacional de Meteorologia. A Defesa Civil do estado não registrou estragos.Defesa Civil alerta para mais chuvas no fim de semanaAlém do Paraná, a Secretaria Nacional de Defesa Civil (Sedec) alerta para a possibilidade de chuva forte também em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul.

Até domingo, o temporal deve chegar ao Sudeste e ao Centro-Oeste, atingindo Goiás, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais.A Sedec não descarta a possibilidade de queda de granizo nos estados da região Sul. De acordo com a secretaria, em alguns momentos a chuva poderá vir acompanhada de descargas elétricas e rajadas de vento de até 60 km/hora em nove estados: Santa Catarina, Paraná, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Mato Grosso do Sul, São Paulo, Mato Grosso, Goiás e Minas Gerais.Os moradores devem ficar atentos ao risco de deslizamento de barreiras.

A Sedec recomenda atenção redobrada nas áreas de encostas e morros dos estados do Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais, pois devido as freqüentes chuvas o solo está bastante encharcado, o que aumenta o risco de deslizamento.

Mais Sobre Política - Nacional

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que