Porto Velho (RO) domingo, 24 de março de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

CCJ aprova fim da reeleição em 2010


Isabel Braga - (Agência O Globo)BRASÍLIA - A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou por voto simbólico no fim da manhã desta quarta-feira a proposta de emenda constitucional (PEC) que acaba com a reeleição para prefeitos, governadores e presidente da República. Se a medida for aprovada no plenário da Casa e na Câmara, valerá a partir das eleições de 2010. Nas eleições municipais de 2008, portanto, os atuais prefeitos ainda poderão tentar a reeleição.Apresentada em 2004, pelo senador Sibá Machado (PT-AC), a PEC previa também mandato de 5 anos. Mas o texto aprovado nesta quarta-feira na CCJ é o relatado pelo senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), que mantém o mandato de 4 anos.Tasso disse esperar que a emenda seja aprovada o mais rapidamente possível no plenário do Senado e na Câmara; - Se possível, que seja votada no próximo esforço concentrado, em setembro, para que seja votada na Câmara antes das eleições - disse o senador, que acredita que ssim a votação não sofrerá influência dos candidatos já eleitos, que podem já estar pensando na reeleição.O senador tucano acrescentou que a emenda é parte de uma reforma política, e destacou o fato de ter sido aprovada por unanimidade.- Isso mostra a tendência da Casa.

Mais Sobre Política - Nacional

Câmara dos Deputados: CCJC aprova projeto de política nacional de prevenção ao suicídio

Câmara dos Deputados: CCJC aprova projeto de política nacional de prevenção ao suicídio

A deputada federal Mariana Carvalho (PSDB-RO), informou que Câmara dos Deputados, por meio da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC)

Vídeo: Mariana Carvalho comemora a aprovação do seu projeto em que o agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

Vídeo: Mariana Carvalho comemora a aprovação do seu projeto em que o agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

Projeto da deputada Mariana Carvalho (PSDB-RO) e do deputado Rafael Motta (PSB-RN) é aprovado no Senado Federal. O projeto determina que o agressor

APROVADO – Agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

APROVADO – Agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

O Plenário do Senado aprovou, nesta terça-feira (19), projeto que determina que o agressor nos casos de violência doméstica e familiar será obrigado a

Câmara dos Deputados aprova prioridade de matrícula para filhos de mulher vítima de violência

Câmara dos Deputados aprova prioridade de matrícula para filhos de mulher vítima de violência

Proposta permite ao juiz determinar a matrícula ou transferência de dependentes da mulher vítima de violência independentemente da existência de vagaO