Sábado, 20 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Brasileiras acham difícil trabalhar e cuidar da casa


Agência O Globo SÃO PAULO - Elas têm jornada tripla: trabalham, cuidam dos filhos e têm que manter a casa em ordem. As mulheres brasileiras enfrentam um dia-a-dia exaustivo e admitem: não é fácil. Pesquisa do Ibope Mídia mostra que 68% consideram difícil conciliar trabalho, maternidade e casamento. O levantamento foi feito nas oito principais regiões metropolitanas do país, incluindo São Paulo. A pesquisa, com 16.768 entrevistas, levantou o perfil das mulheres. A assistente financeira Carla Fabiana Rodrigues Cano, de 28 anos, está entre as mulheres que se desdobram nas tarefas do lar e na empresa. Ela acorda cedo, toma café da manhã com o filho de 4 anos e o deixa na escola. Depois, às 8h30min, segue para o trabalho, onde fica até as 18h. E então vai para a casa? - Não. Sigo para a faculdade. Estou cursando Administração de Empresas. Quero me especializar - conta. E no retorno ao lar, à meia-noite, é o momento de Carla se encontrar com o marido, que também trabalha e estuda. - Às vezes dá vontade de jogar tudo para o alto, sabe? - fala. Mesmo assim, Carla mantém a correria por cinco anos. Para a diretora comercial do Ibope Mídia, Dora Câmara, o estudo mostra que cada vez mais as mulheres estão atuantes. - Para elas, ter um salário próprio faz bem; satisfaz - disse. O estudo mostra que o trabalho significa realização pessoal em 90% dos casos, independência (82%) e proporciona o contato com pessoas diferentes (81%). No entanto, toda essa loucura tem um preço. - Mais da metade delas gostaria de dedicar mais tempo aos filhos - relata a diretora do Ibope. É justamente o que acontece com Carla. - Às vezes o meu filho me liga à tarde pedindo para eu não ir na faculdade. Fico com o coração apertado e, eventualmente, acabo cedendo. Dá uma vontade enorme de ficar mais perto dele - diz. Satisfação - Mesmo com tantas atribuições e responsabilidades, 88% das mães se consideram felizes. O Ibope mostra ainda que as mães que trabalham estão mais atentas aos cuidados estéticos, que vão desde a forma física até o preparo de refeições saudáveis, ainda que admitam não ter tempo. Se pudessem, 57% fariam plástica. Ainda assim, se consideram alegres, independentes e espiritualistas.

Gente de OpiniãoSábado, 20 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou nesta sexta-feira (25) maioria de votos para determinar que a Câmara dos Deputados faça a redistribuição do

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

O Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação (SInagências) conseguiu uma solução direta do governo após intensa articulaç

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Reservas foi instaurada em Rondônia para investigar possíveis irregularidades nos processos de criação

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Na tarde dessa segunda-feira (06), o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (SECOM), Paulo Pimenta, esteve r

Gente de Opinião Sábado, 20 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)