Segunda-feira, 15 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Brasil não deve sofrer desabastecimento de álcool, diz ANP


Agência O Globo Brasília - O Brasil não deve sofrer problemas de abastecimento de álcool em 2007, segundo o superintendente de Abastecimento da Agência Nacional de Petróleo (ANP), Roberto Ardeghy. A avaliação dele é que, se não houver "grandes movimentos de exportação" do produto, o país terá uma sobra de álcool de aproximadamente 4,5 bilhões de litros no próximo ano. De acordo com o Ardeghy, que participou , em Brasília, do debate "Álcool - combustível estratégico", na sede da Confederação Nacional do Comércio, a previsão é de que o país produza 17,1 bilhões de litros de álcool até maio do próximo ano, data que marca o início da safra 2007/2008, e consuma, entre álcool anidro (que é misturado à gasolina) e hidratado cerca de 13,5 bilhões de litros. Andreghy garantiu que, se houver crescimento elevado das exportações, o governo tem mecanismos para intervir no mercado. "Temos medidas a serem tomadas caso venha haver problema de abastecimento, por exemplo, em restringir e monitorar as exportações, afirmou. - Se estiver havendo muitas exportação de álcool, em prejuízo ao mercado interno, o governo tem um mecanismo, já tradicional de comercio exterior, para controlar as exportações para evitar desabastecimento - disse. No final do ano passado, o país enfrentou uma crise de abastecimento de álcool durante a entressafra da cana-de-açúcar, em que houve elevação considerável nos preços do produto. Na ocasião, para aumentar os estoques do álcool, o Conselho Interministerial do Açúcar e Álcool (Cima), formado por quatro ministros, decidiu reduzir o percentual obrigatório de mistura do álcool na gasolina de 25 para 20%. Agora, com o atual crescimento dos estoques de álcool, os ministros que compõem o conselho decidiram, atendendo a pedido do setor sucro-alcooleiro, elevar de 20 para 23% o percentual de mistura do álcool na gasolina. Essa medida, de acordo com os técnicos do conselho, vai incrementar o consumo em 306,9 milhões de litros. O superintende de Abastecimento da ANP lembrou que em 2005, o governo "consciente da necessidade de inserção dos biocombustíveis na matriz energética brasileira", editou uma Medida Provisória, depois transformada em lei, fazendo com que a agência tratasse também dos biocombustíveis. - Hoje, temos uma ação reguladora e fiscalizadora em cima dos biocombustíveis [álcool e biodiesel], fazendo com que esse mercado também seja acompanhado pela ANP e seja tratado com todo o cuidado para o abastecimento no Brasil.

Gente de OpiniãoSegunda-feira, 15 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou nesta sexta-feira (25) maioria de votos para determinar que a Câmara dos Deputados faça a redistribuição do

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

O Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação (SInagências) conseguiu uma solução direta do governo após intensa articulaç

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Reservas foi instaurada em Rondônia para investigar possíveis irregularidades nos processos de criação

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Na tarde dessa segunda-feira (06), o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (SECOM), Paulo Pimenta, esteve r

Gente de Opinião Segunda-feira, 15 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)