Porto Velho (RO) quarta-feira, 21 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Berzoini diz que não tinha conhecimento de dossiê e de origem de dinheiro


Jailton de Carvalho - Agência O Globo BRASÍLIA - O presidente afastado do PT Ricardo Berzoini negou nesta terça-feira, em depoimento à Polícia Federal, que soubesse da tentativa de um grupo de petistas de comprar um dossiê contra o tucano José Serra, eleito governador de São Paulo. Berzoini também negou que saiba a origem do R$ 1,7 milhão apreendido em poder de Gedimar Passos e Valdebran Padilha no Hotel Ibis, em São Paulo, onde estavam em curso as negociações finais para compra do dossiê.- Ele disse que só tomou conhecimento do fato (a compra do dossiê) quando o caso se tornou público - disse um policial que acompanhou o depoimento.Berzoini confirmou, no entanto, que Jorge Lorenzetti foi contratado para a campanha do presidente Luiz Inácio Lula da Silva para fazer análise de informações. O deputado petista também pôs em dúvida a versão de Hamilton Lacerda, ex-coordenador de comunicação da campanha do senador Aloizio Mercadante (PT) ao governo de São Paulo. Em depoimento à PF, Lacerda disse que esteve no hotel apenas para entregar a algumas pessoas boletos de campanha, papéis usados na arrecadação de campaha. Para Berzoini, essa é uma tese estranha.- Ele disse que era não era o papel de Lacerda - relatou o policial.A Polícia Federal voltou a informar que dificilmente a origem do dinheiro será esclarecida antes das eleições. Segundo o delegado Diógenes Curado Filho, responsável pelo inquérito, só será possível identificar a origem de parte do dinheiro "nas próximas semanas". Para a PF, é uma investigação complicada porque os policiais têm que analisar muitas operações financeiras feitas por pelo menos 30 corretoras com o Banco Sofisa. De uma delas teria saído parte do dinheiro para compra do dossiê. O depoimento de Berzoini durou cerca de 1 hora e meia.

Mais Sobre Política - Nacional

Sergio Moro escolhe delegados da Lava Jato para PF e departamento do MJ

Sergio Moro escolhe delegados da Lava Jato para PF e departamento do MJ

O juiz federal Sergio Moro, que assumirá o Ministério da Justiça no próximo governo, confirmou hoje (20) os nomes dos delegados Maurício Valeixo pa

Paulo Guedes quer secretaria de privatizações para acelerar a venda de ativos

Paulo Guedes quer secretaria de privatizações para acelerar a venda de ativos

O futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, pretende criar uma Secretaria de Privatizações no governo do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) par

Haddad vira réu por corrupção passiva e lavagem de dinheiro

Haddad vira réu por corrupção passiva e lavagem de dinheiro

É a primeira vez que o petista se torna réu em ação criminal

O presidente eleito Jair Bolsonaro diz que soberania e leis do Brasil devem ser respeitadas

O presidente eleito Jair Bolsonaro diz que soberania e leis do Brasil devem ser respeitadas

Em meio a reações como a do governo cubano que decidiu suspender a parceira com o Programa Mais Médicos, o presidente eleito Jair Bolsonaro voltou a