Porto Velho (RO) domingo, 22 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

AMB defende que Supremo mantenha decisão do TSE que proíbe candidatura Roriz


 
Priscilla Mazenotti
Agência Brasil

Brasília - O presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), Mozart Valadares, defendeu hoje (24) que seja mantida a decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) de impugnar a candidatura de Joaquim Roriz (PSC) ao governo do Distrito Federal. Roriz recorreu ao Supremo Tribunal Federal e, nesta madrugada, a sessão terminou com empate nos votos.

“Havia um julgamento pelo TSE e houve um recurso tentando mudar essa decisão. Esse recurso não obteve êxito, não conseguiu reformar a decisão do TSE”, argumentou.

Na segunda-feira (27), haverá sessão extraordinária no Supremo e o assunto poderá ser colocado em pauta. Outra possibilidade, sugerida pelo presidente da Suprema Corte, Cezar Peluso, poderá ser discutida: a de deixar a decisão sobre o desempate para o ministro que irá substituir o ministro aposentado Eros Grau. Entretanto, esse substituto ainda não foi escolhido pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

“O motivo principal desse impasse é a não nomeação do ministro em virtude da aposentadoria de Eros Grau. É injustificada essa demora mais de 50 dias depois da aposentadoria”, afirmou. “A nação fica sem entender bem e fica apreensiva porque provavelmente esse impasse não será resolvido antes das eleições”, completou.

O regimento interno do Supremo também oferece uma terceira opção: a de o presidente da Corte dar o voto de desempate. Mas, Cezar Peluso já informou que não irá dar o voto de minerva. “Não tenho vocação para déspota, nem acho que o meu voto vale mais do que de outro ministro”, disse Peluso nesta madrugada ao fim da sessão.

Mais Sobre Política - Nacional

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Implacável para condenar lideranças do PT na República de Curitiba, a Justiça brasileira não mostra o mesmo furor para investigar e julgar os tucanões

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que o anúncio da liberação de saques das contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviç