Segunda-feira, 15 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Aeronáutica deixa 150 controladores de vôo de sobreaviso


Henrique Gomes Batista - Agência O Globo BRASÍLIA - O Comando da Aeronáutica decidiu nesta terça-feira deixar todos os cerca de 150 controladores de vôo do Cindacta 1, responsável pelo tráfego aéreo em Brasília, de sobreaviso no feriado e nos próximos dias. O objetivo é permitir a rápida substituição de profissionais em caso de demoras muito grandes nos vôos ou permitir a rápida substituição de controladores faltosos ou com problemas de saúde. Há, segundo o presidente da Associação dos Controladores de Tráfego Aéreo do Rio de Janeiro, Jorge Nunes de Oliveira, de dez a doze controladres sem trabalhar com atestados médicos. Ele afirmou que no fim de semana do dia 2 de novembro, ápice da crise anterior nos aeroportos, a forte pressão dos militares sobre os controladores, que algumas vezes ficaram impedidos de sair do ambiente de trabalho, causou problemas de saúde nos profissionais. Esse momento de tensão pode se repetir com esta decisão do Comando da Aeronáutica em convocar todos os controladores a ficar de sobreaviso nos próximos dias. Segue a íntegra da nota do Comando da Aeronáutica: Em razão dos problemas verificados no Sistema de Controle de Tráfego Aéreo nos últimos dias, o Comando da Aeronáutica resolveu adotar as seguintes medidas: Hoje, (14/11) às 10h30, foi acionado o plano de reunião do Primeiro Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo (CINDACTA I), com o objetivo de normalizar as escalas de serviço relativas ao centro de controle de área daquela organização militar. Essa medida tem como principal meta a manutenção da eficiência no serviço prestado, sempre com a garantia dos níveis de segurança de vôo previstos. O plano de reunião é um procedimento administrativo previsto na legislação em vigor, comum a todas as organizações do Comando da Aeronáutica e tem o objetivo de reunir, no menor tempo, todo o efetivo de uma Unidade a fim de atender a possíveis situações especiais ou emergenciais. Durante o período em que o plano de reunião estiver ativado, os militares do efetivo do CINDACTA I permanecerão na organização militar, de maneira a atender às necessidades operacionais de serviço. Vale esclarecer que toda a legislação referente à jornada de trabalho e períodos de descanso continuará sendo cumprida normalmente.

Gente de OpiniãoSegunda-feira, 15 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou nesta sexta-feira (25) maioria de votos para determinar que a Câmara dos Deputados faça a redistribuição do

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

O Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação (SInagências) conseguiu uma solução direta do governo após intensa articulaç

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Reservas foi instaurada em Rondônia para investigar possíveis irregularidades nos processos de criação

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Na tarde dessa segunda-feira (06), o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (SECOM), Paulo Pimenta, esteve r

Gente de Opinião Segunda-feira, 15 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)