Porto Velho (RO) segunda-feira, 23 de novembro de 2020
×
Gente de Opinião

Polícia

PM vai abordar carro com suspeita de armas e encontra mercadoria ilegal


 
A Central de Operações do 6º Batalhão de Polícia Militar, em Guajará-Mirim, foi informada de que um veículo estaria preparado para sair da cidade carregando armas de fogo oriunda da Bolívia. A guarnição policial composta pelo cabo PM Da Silva e os PMs Eguiberto e Santana, com apoio da CPL 040 e 098, conseguiu interceptar o carro suspeito saindo do município pela BR-425, rumo a Porto Velho.

O motorista foi identificado pelas iniciais Luis Cesar, 40 anos, residente em Ji-Paraná, que durante o registro do fato alegou ser dono do carro Corolla, cor prata e placa MRT 7614 de Porto Velho. Durante a abordagem os policiais militares não localizaram as supostas armas de fogo.

Ao revistar o interior do porta malas do automóvel, a patrulha encontrou 12 litros de gasolina; 32 litros de uísque de diversas marcas e idades 13 vidros de perfumes em variadas fragrâncias; dois aparelhos de celular e várias mercadorias de pequeno porte. Os produtos por não ter passado pelo posto alfandegário, foram apreendidos e encaminhados para a Receita Federal.

O acusado juntamente com o Corolla, também foi levado até o prédio da Inspetoria da Receita para aplicação dos procedimentos que a Lei alfandegária determina.


Mais carro e mais contrabando

Uma ligação anônima na última sexta-feira, levou a guarnição do PM Eliel, Jair e Marcelo, a fazer abordagem na caminhonete Hilux prata e placa NDE 8668 de Porto Velho. Segundo o denunciante o carro estava carregado com farta quantidade de mercadorias contrabandeadas da Bolívia e que o embarque teria ocorrido no bairro Triângulo, num porto clandestino do Rio Mamoré em lado brasileiro. Os fatos aconteceram em 13 de maio.

A equipe do PM Eliel, abordo na viatura CPL 040, interceptou o veículo suspeito antes do mesmo entrar na BR 425 e seguir rumo a capital rondoniense.

As duas ocupantes da caminhonete foram identificadas pelas iniciais, sendo a motorista Ana Barros., 37 anos e passageira Zilene Almeida, 41. Quando indagadas da procedência das caixas de mercadorias encontradas na caçamba do veículo, alegaram que adquiriram na Bolívia e não passaram pela alfândega brasileira.

Dentro das caixas continham: trinta brinquedos de plástico; duas barracas de camping; 30 sacolas sortidas com peças de roupas adultas e infantis; 138 brinquedos quebra cabeça; oito jogos de jantar, sete de xícaras, 30 de dominó e vinte de pesca de plástico. Ainda foi apreendido e entregue na Receita Federal: 96 extensões de tomada elétrica; 84 toalhas de banho; dez jogos de louça em porcelana em variados tamanho; 40 brinquedos estilo motorcycle; quatro colchões infantis; 10 aparelhos de telefone fixo; 28 travesseiros; dezenas de unidades de andajá, de arranjos de flores, de caneca de vidros, de brinquedos infláveis, de óculos de mergulho e 130 brinquedos de pelúcia.

Tanto as duas mulheres, quanto a Hilux e o montante de mercadorias ilícitas foram levados para a Receita Federal e lá apresentados ao plantonista para os procedimentos alfandegários, que a justiça determinar sobre o caso. Autor e fotos PM Almeida 6º BPM.

Fonte: Lenilson Guedes
 

Mais Sobre Polícia

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

O 5º Batalhão de Polícia Militar de Rondônia (5º BPM – Batalhão Belmont) realiza, nesta sexta-feira (23), às 19h, a formatura militar alusiva ao seu

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Na manha de hoje (21), a Polícia Rodoviária Federal participou da Operação Arinna, deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime O