Porto Velho (RO) quarta-feira, 23 de junho de 2021
×
Gente de Opinião

Polícia

OAB acompanha rebelião na casa de detenção


A Ordem dos Advogados do Brasil em Rondônia se fez presente nesta segunda-feira na casa de detenção “José Mário Alves” durante a rebelião em que, segundo informações morreram dois apenados. Pelo menos dois advogados representando a Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Rondônia se fizeram presente no conhecido e famigerado ‘Urso Branco’ durante uma rebelião. O advogado Tancredo Pereira chegou logo que a OAB foi avisada da rebelião, ma foi impedido de adentrar as dependências do presídio por ordem da direção.

Depois de muita ponderação e com a chegada de representantes da Vara de Execuções Penais, do Ministério Público e da Defensoria Pública foi formada uma comissão para inspecionar as condições do presídio e as medidas que estavam sendo adotadas pela direção do estabelecimento.

“Constatamos muita destruição nas celas de onde saíram os rebelados. Alguns presos reclamam da qualidade da comida e denunciaram a prática de tortura por parte dos agentes, mas não tivemos nenhuma prova dessas denúncias”, disse o advogado Tancredo Pereira, acrescentando que o Estado precisa adotar providências saneadoras para resolver o problema da superlotação nas cadeias públicas.

A presidente do Tribunal de Defesa das Prerrogativas, advogado Keila de Oliveira, que estava em audiência no momento da rebelião, disse que o advogado Tancredo Pereira, membro do Tribunal, esteve no presídio representando a OAB, que tem sido uma sentinela dos direitos humanos.

O advogado Tancredo Pereira disse que chegou a ver presos feridos e muito mancha de sangue no pátio do presídio, mas não viu nenhum preso morto. O representante da OAB permaneceu na casa de detenção até as 14 horas, quando a situação já estava sob controle.

Fonte: OAB-RO


Mais Sobre Polícia

Operação Canaã desarticula integrantes que invadiam e loteavam terras particulares em Rondônia

Operação Canaã desarticula integrantes que invadiam e loteavam terras particulares em Rondônia

O Governo de Rondônia por meio da 2ª Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (Draco), a qual integra o Departamento de Estratégia e Inteligência (D

Força Nacional começa a atuar no combate ao crime organizado no Amazonas

Força Nacional começa a atuar no combate ao crime organizado no Amazonas

Militares da Força Nacional de Segurança Pública (FNSP) deverão ser deslocados para o Amazonas, em apoio ao governo do estado, nas ações de combate