Porto Velho (RO) quarta-feira, 16 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Justiça

NOTA DE PESAR da Justiça do Trabalho de Rondônia e Acre


NOTA DE PESAR da Justiça do Trabalho de Rondônia e Acre - Gente de Opinião

O Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região, com jurisdição nos Estados de Rondônia e Acre, na pessoa do seu presidente, desembargador Osmar J. Barneze, lamenta o falecimento do advogado trabalhista Luiz das Chagas Apolônio, aos 75 anos, ocorrido na madrugada desta quarta-feira, dia 10 de julho, em Porto Velho.

O Dr. Apolônio, como era conhecido por todos, um dos advogados mais antigos militantes na Justiça do Trabalho, e foi o primeiro advogado a operar o Processo Judicial Eletrônico – Pje em Porto Velho, no ato inaugural realizado em 9 de julho de 2013.

À Família e amigos nossos sentimentos, e que Deus conforte a todos.

 

Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região

Rondônia e Acre

Mais Sobre Justiça

MP denuncia esquema criminoso na Câmara de Vereadores de Vilhena e pede afastamento de vereadores

MP denuncia esquema criminoso na Câmara de Vereadores de Vilhena e pede afastamento de vereadores

O Ministério Público do Estado de Rondônia, por meio da 3ª Promotoria de Justiça de Vilhena, ofereceu denúncia contra os vereadores Antônio Marco Al

Tribunal de Justiça define lista tríplice para membro titular e suplente do TRE

Tribunal de Justiça define lista tríplice para membro titular e suplente do TRE

Em sessão realizada nesta segunda-feira, 14 de outubro, o Pleno do Tribunal de Justiça de Rondônia definiu as listas tríplices para a composição da Co

Policiais Civis e Militares são capacitados para atendimento a mulheres vítimas de violência doméstica

Policiais Civis e Militares são capacitados para atendimento a mulheres vítimas de violência doméstica

Policiais militares e civis participaram na segunda-feira (7), de capacitação para o atendimento à mulher vítima de violência, no auditório do Fórum S

1º Tribunal do Júri de Porto Velho condena homem que matou por ciúme

1º Tribunal do Júri de Porto Velho condena homem que matou por ciúme

O réu Jete Ceide foi condenado a 12 anos de reclusão pelo 1º Tribunal do Júri da comarca de Porto Velho, sob acusação de ter matado, com várias facada