Porto Velho (RO) quarta-feira, 2 de dezembro de 2020
×
Gente de Opinião

Polícia

JI-PARANÁ: Polícia Militar e Civil desmonta Studio de gravação de CDs e DVDs pirata



Uma guarnição da Polícia Militar abordou nesta sexta feira dia 19/02/010, o veiculo Fiat Strada, de cor preta placa NDC-9839, que era conduzido por Gilberto da Silva dos santos e tinha como passageiro Osmar Marsílio. Ao revistar o veículo foi encontrado mais de 3.500 CDS e DVDS piratas, levando assim à equipe de policiais a residência do acusado na Rua dos Acadêmicos, Bairro Parque São Pedro, onde encontraram outros objetos e mais CDS e DVDS Pirata.

A guarnição comandada pelo cabo PM Pinho, conduziu os dois e mais a esposa de Gilberto de nome Rosivania da Silva Bosi até a primeira Delegacia de Polícia para que fossem tomadas as providências cabíveis pelo Delegado, Julio Cezar Rios. Já na Delegacia a equipe do Sevic – Serviço de Investigações e Capturas, composta pelos Policiais, Grana e Raimundinho receberam informações de que na rua T-10, Bairro São Pedro funcionava o Studio de Gravação dos CDS e DVDS apreendido pela PM.

De posse da informação a equipe do Sevic em conjunto com policiais militares foi até a residência e constatou a veracidade do fato, conduzindo a Delegacia Giovano Barbosa Santos e sua esposa Iracema Dias e o Operador do Studio, Bruno Vargas. Os policiais constataram também que o contrato de locação do imóvel estava em nome de Rosivânia da Silva Bosi, esposa de Gilberto que havia locado a referida somente para o Studio de gravação.

Apreensão

Foram apreendidos pelos Policiais nas duas residências e no veículo, 5.850 CDS e DVDS Pirata, o Veiculo Fiat Strada, 11 CPUS, oito Monitores, 142 Capas par CDS, 12 Impressoras HP D1560, seis Impressoras HP D2360, uma Impressora HP 4280, 91 Gravadora de CDS e DVDS, uma Caixa de Som, 13 Cartucho para impressora e vários outros objetos. Após constatar que todos estavam envolvidos no esquema de pirataria com CDS e DVDS, o Delegado Julio Cezar Rios, autuou-os em Flagrante por formação de quadrilha e crime contra a propriedade intelectual, (direitos autorais), recolhendo ao Presido Central a disposição da Justiça.

Segundo o Delegado com a prisão dos acusados e apreensão dos objetos, principalmente as CPUS, outros crime poderão ser esclarecidos dentre em breve, haja vista que nos últimos meses foram furtados diversos computadores na cidade de Ji-Paraná. Autor Valter Fernandes.DRP/JP.

Fonte: Lenilson Guedes

Mais Sobre Polícia

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

O 5º Batalhão de Polícia Militar de Rondônia (5º BPM – Batalhão Belmont) realiza, nesta sexta-feira (23), às 19h, a formatura militar alusiva ao seu

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Na manha de hoje (21), a Polícia Rodoviária Federal participou da Operação Arinna, deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime O