Porto Velho (RO) quarta-feira, 2 de dezembro de 2020
×
Gente de Opinião

Polícia

Guajará-Mirim: Homem é preso com pedras de Oxi


 Guajará-Mirim: Homem é preso com pedras de Oxi - Gente de Opinião
A Central do 6º Batalhão PM no município de Guajará-Mirim, às 9 horas de sábado 19, recebeu denúncia anônima de que um homem tinha entrado em solo brasileiro por um porto clandestino, no bairro Cristo Rey, vindo da Bolívia, carregando várias pedras de substância entorpecente.

Os policiais militares localizaram o suspeito tentando se esconder da guarnição em meio à vegetação no final da Av: Boucinhas de Menezes, nas proximidades das margens do rio Mamoré, naquele bairro. Ao passar por revista, foi pego portando duas trouxinhas de droga. Já na delegacia durante busca minuciosa a equipe localizou na cueca do acusado um embrulho contendo 50 unidades do mesmo produto. Quando indagado sobre o material, alegou ter comprado na Bolívia no dia anterior e que o ilícito tratava-se de Oxi. Ele forneceu o nome do irmão Wesley V. D. C., mas foi descoberto da farsa sendo na verdade Marcos V. D. C., 21 anos, evadido do sistema prisional do Estado em Guajará-Mirim.

Marcos foi encaminhado com as 52 pedras de Oxi à Polícia Federal de Guajará-Mirim, depois de flagranteado por tráfico de drogas, conforme lei 11.343/06, foi levado à cadeia masculina da cidade para aguardar o manifesto do Judiciário sobre o episódio.

Fonte: 6º BPM

 

Mais Sobre Polícia

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

O 5º Batalhão de Polícia Militar de Rondônia (5º BPM – Batalhão Belmont) realiza, nesta sexta-feira (23), às 19h, a formatura militar alusiva ao seu

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Na manha de hoje (21), a Polícia Rodoviária Federal participou da Operação Arinna, deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime O