Porto Velho (RO) terça-feira, 24 de novembro de 2020
×
Gente de Opinião

Polícia

Governo de Rondônia intensifica fiscalização em boates


Gente de Opinião
 
Um ano após o ocorrido, os 42 sobreviventes daquela noite até hoje convivem comseqüelas,  provocadas por intoxicação da fumaça inalada.  A presidente Dilma Rousseff  foi ao local pessoalmente e pediu rigor na fiscalização no interior desses ambientes.  Pelo país o resultado  das operações foram boates lacradas e sem nenhum critério de funcionamento. Autuados, os donos tiveram que adequar-se,casoquisessem continuar com seus estabelecimentos abertos.

Em Rondônia não foi diferente, o governo do Estado por meio do Corpo de Bombeiros, colocou a equipe em campo e pediu rigor nas fiscalizações.  Na época do acidente, a maioria das boates de Porto Velho foi interditada e aos donos solicitado imediatocumprimento das determinações que rege a lei de funcionamento.

De acordo com o chefe de Análise de Projetos, setor responsável pela fiscalização das casas noturnas e estabelecimentos,coordenado pelo Corpo de Bombeiros, os trabalhos de vistoria acontecem rotineiramente com focoprincipal em evitar o ocorrido em Santa Maria. “Fazemos essas fiscalizações de dois em dois meses, vistoriamos os ambientes, e se estão funcionando dentro das normas de segurança. Caso sejamconstatadas falhas o proprietário é autuado e a boate interditada ou fechada”, disse o chefe de Análise e Projetos do (CGCB), tenente Mário Vergotti.
 
Gente de Opinião

Para prevenir os riscos, oCorpo de Bombeiros trabalha em cima de um projeto chamado“anti-pânicopreventivo”,que exige  que o estabelecimento com  público corrente acima de 50 pessoas seja dotado de hidrante, extintor de incêndio, além de saídas  para casos de evacuação imediata. “Todo o estabelecimento deve seguir criteriosamente com essas normas”, lembra.
 
Gente de Opinião

De acordo com o Corpo de Bombeiros, das 30 boates em funcionamento na capital, oito foram fechadas por não responderem as determinações especificadas pela equipe de fiscalização. O chefe de Análise faz um alerta: “Oproprietário que mantiver uma casa noturna ou estabelecimentocomercial funcionando sem autorização poderá sofrer punição por desobediência, além de ser responsabilizado por algo que venha a ocorrer criminalmente ou judicialmente”, informa.

No interior do Estado as fiscalizações ficam por conta do comando do Corpo de Bombeiros de cada região. Ainda, segundo o Corpo de Bombeiros, houve fiscalização em janeiro, e também em dezembro, na prevenção com as festas de final de final de ano.

Serviço

A pessoa que desejar abrir uma casa de show, boate, ou qualquer estabelecimento onde terá o acesso de pessoas deverá antes procurar o Corpo de Bombeiros, na Diretoria de Prevenção e Serviços Técnicos,localizada naAvenida Cassiterita com Tiradentes 193, no Conjunto Marechal Rondon, na estrada da Penal. E em caso de acidente ligar para o Corpo de Bombeiros no 193.

Texto: Emerson Barbosa
Foto: A.I/Decom/CB/RO
Fonte: Decom

Mais Sobre Polícia

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

O 5º Batalhão de Polícia Militar de Rondônia (5º BPM – Batalhão Belmont) realiza, nesta sexta-feira (23), às 19h, a formatura militar alusiva ao seu

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Na manha de hoje (21), a Polícia Rodoviária Federal participou da Operação Arinna, deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime O