Porto Velho (RO) quarta-feira, 2 de dezembro de 2020
×
Gente de Opinião

Polícia

GIC prende "avião" e ladrão de voadera


Os policiais do Grupo de Investigação e Captura (GIC) continuam realizando as operações de captura aos foragidos e desta vez foram presos mais dois elementos, em ações policiais distintas, sendo uma de Tráfico de Entorpecente e outra de Furto.

Tráfico

Izequias Xavier da Silva, 21 anos, que se encontrava em liberdade provisória, foi preso por Tráfico de Drogas, na rua Rio de Janeiro, capital, dia 11, às 0h. De acordo com o delegado do GIC, Jeremias Mendes, os policiais estavam investigando o traficante há alguns dias e esperavam o momento em que Silva estivesse em flagrante delito da atividade de tráfico de drogas para abordá-lo. "O elemento já é conhecido no mundo do crime e sempre consegue se livrar das drogas quando a polícia aparece", disse o delegado. Jeremias Mendes disse ainda que o próprio Departamento de Narcóticos (Denarc) já cumpriu Mandado de Busca na instância onde o traficante residia com os seus familiares não tendo sucesso.

Com a certeza absoluta de que o indivíduo comercializava o produto ilícito, os policiais do GIC ficaram a espreita quando viram Izequias Xavier da Silva falando no celular, em atitude suspeita. Conforme o delegado, Silva era um "avião" do tráfico, ou seja, comercializava pequenas porções de droga.

O então suspeito após telefonema saiu em direção à rua Rio de Janeiro quando foi abordado pela polícia. O GIC encontrou com Silva uma "paranga" de entorpecente e a quantia de R$ 111,00, porém o conduzido não soube explicar a procedência do dinheiro. Foi dada voz de prisão ao mesmo, que foi conduzido até a Central de Polícia.

Furto

Jose Manoel Miranda de Souza, 25 anos, foi preso na Linha Cujubizinho, zona rural de Porto Velho, dia 10, às 0h, por ter furtado uma voadera. Souza estava em liberdade provisória, esperando decisão judicial, conforme consta no livro de saída do presídio José Mario Alves, o Urso Branco, liberado no dia 14 de novembro de 2007.

O GIC chegou até o conduzido porque os ribeirinhos denunciaram para a polícia que dois homens estranhos chegaram no local remando uma canoa de alumínio. Fato atípico, segundo os ribeirinhos.

José M. M. de Souza confessou que furtou a voadera do outro lado da balsa, próximo ao igarapé Jatuarana, por volta das 20h, do dia 9 e tinha a intenção de ir até o garimpo da região de São Carlos. Consta ainda na Delegacia de Cujubizinho furtos de voaderas da Sedam, mas a canoa apreendida ainda não foi identificada pelo proprietário.

Fonte: Érica Ferreira / AI SESDEC

Mais Sobre Polícia

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

O 5º Batalhão de Polícia Militar de Rondônia (5º BPM – Batalhão Belmont) realiza, nesta sexta-feira (23), às 19h, a formatura militar alusiva ao seu

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Na manha de hoje (21), a Polícia Rodoviária Federal participou da Operação Arinna, deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime O