Porto Velho (RO) segunda-feira, 1 de junho de 2020
×
Gente de Opinião

Polícia

Garimpeiros invadem aldeia no Amapá e matam cacique


Garimpeiros invadem aldeia no Amapá e matam cacique - Gente de Opinião

Garimpeiros invadiram neste sábado (27) a aldeia de Waiãpi, no Amapá, e assassinaram uma liderança indígena do local; segundo o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), ataque é fruito da escalada do ódio após a eleição de Jair Bolsonaro; “O sangue derramado é culpa do governo federal, que ocorre por causa da omissão de organismos de controle”.

Garimpeiros invadiram neste sábado (27) a aldeia de Waiãpi, localizada em Pedra Branca do Amapari, Amapá, e assassinaram uma liderança indígena do local. 

Segundo o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), acuados e com medo de novas retaliações, os índios se refugiaram na comunidade vizinha Aramirã, para onde crianças e mulheres foram levadas. 

“Uma liderança fez contato informando que ocorreu uma invasão dos garimpeiros e assassinaram um cacique”, relatou ao Congresso em Foco o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP). 

A Polícia Federal foi acionada para controle da invasão, assim como a Fundação Nacional do Índio (Funai). 

Ranfolfe alerta para a escalada do ódio e da intolerância após a eleição do presidente Jair Bolsonaro. “O sangue derramado é culpa do governo federal, que ocorre por causa da omissão de organismos de controle”, reprovou. “Quem vive do crime se sente protegido em poder invadir terra indígena.”

O cantor Caetano Veloso também se manifestou sobre o ataque aos índios Waiãpi. "Eu peço às autoridades brasileiras que, em nome da dignidade do Brasil e do mundo, ouçam esse grito", afirmou em vídeo.

Cerca de 50 garimpeiros invadiram na madrugada deste sábado a Terra Indígena Wajãpi, no Amapá, e já teriam assassinado dois caciques, informa o Senador Randolfe Rodrigues, que está tentando acionar a Polícia Federal e pede ampla divulgação deste vídeo.

Vídeo incorporado
2.858 pessoas estão falando sobre isso

Ouçam as palavras de @caetanoveloso. Os índigenas do Amapá pedem socorro. Nesse exato momento, os Wajãpis estão sendo atacados por garimpeiros. As autoridades não podem permitir essas assassinatos cruéis. Toda nossa solidariedade aos Wajãpis e povos indígenas do Brasil.

Vídeo incorporado

Mais Sobre Polícia

DENARC deflagra operação Norte visando cumprir 13 mandados de prisão em Porto Velho

DENARC deflagra operação Norte visando cumprir 13 mandados de prisão em Porto Velho

A Polícia Civil do Estado de Rondônia, por meio do Departamento de Narcóticos - DENARC, com apoio da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais