Porto Velho (RO) segunda-feira, 3 de agosto de 2020
×
Gente de Opinião

Polícia

Fernandinho Beira-Mar chega a Campo Grande


O traficante Luiz Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar, chegou no início da tarde de hoje a Campo Grande, em Mato Grosso do Sul. Ele saiu da Penitenciária Federal de Catanduvas, no oeste do Paraná, por volta das 11h50 (horário de Brasília) e segue de carro até Foz do Iguaçu, onde embarcou em um jato da Polícia Federal para o transporte até Campo Grande.

Beira-Mar será acompanhado da Base Aérea à penitenciária por uma escolta composta por agentes penitenciários e policiais federais.

A transferência de Beira-Mar foi decidida na semana passada pelo colegiado de juízes federais que trata de questões judiciais da Penitenciária Federal de Catanduvas, onde Beira-Mar está preso desde 19 de julho do ano passado.

O prazo-limite para a permanência de um detento em cada presídio federal é de um ano.

Transferência irrita governador
O governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), reclamou hoje da transferência do traficante Fernandinho Beira-Mar, para a Penitenciária Federal de Campo Grande e disse que pretende "devolvê-lo" para o Rio de Janeiro "o mais cedo possível".

"É claro que não gostei disso, vou tentar devolvê-lo para o Estado de origem, que é o Rio de Janeiro, o mais cedo possível", disse.

Puccinelli, entretanto, afirmou que não vê riscos na permanência de Beira-Mar no presídio federal, tido como mais seguro do País. O problema, segundo ele, é o "psicológico da população". Na penitenciária, Beira-Mar ficará em cela individual e será monitorado 24 horas por dia.

 

Mais Sobre Polícia