Porto Velho (RO) quinta-feira, 3 de dezembro de 2020
×
Gente de Opinião

Polícia

Apesar da pressão, Daiello fica no comando da PF


Gente de Opinião

247 - Apesar da pressão do governo Temer para trocar o comando na Polícia Federal, o diretor-geral da corporação, Leandro Daiello, permanecerá por mais um período à frente da instituição. Segundo o ministro da Justiça, Torquato Jardim, o delegado ficará "o tempo que for necessário" para consolidar o trabalho realizado. Daiello ocupa o cargo desde 2011

A manutenção de Daiello no cargo ocorre no momento em que Michel Temer e outros políticos de quilate do PMDB — incluindo ministros, senadores e ex-deputados — são alvos da Lava Jato e de ações da Polícia Federal. A pressão aumentou, nas últimas semanas, depois que a PF descobriu o "bunker" do ex-ministro Geddel Vieira Lima, com R$ 51 milhões.

O Palácio do Planalto também não escondeu a irritação com o "vazamento" de um relatório da Polícia Federal sobre o chamado "quadrilhão do PMDB". Com base no inquérito, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, apresentou nova denúncia contra Temer, desta vez por organização criminosa e obstrução da Justiça.

As negociações para a troca de direção na PF estavam sendo feitas entre Torquato e o próprio Daiello desde que o ministro assumiu a pasta, no fim de maio. Alegando estar cansado, o diretor-geral da PF pôs o cargo à disposição e queria se aposentar. O nome mais cotado para o posto era o de Rogério Galloro, número dois de Daiello.

O presidente do PMDB, senador Romero Jucá (RR), negou a pressão para emplacar alguém ligado ao partido no comando da Polícia Federal. "A Polícia Federal é um cargo de confiança do presidente da República e do Ministério da Justiça e tem de ser levada em conta a meritocracia da instituição", disse Jucá. No entanto, por trás dos panos, o PMDB buscava esvaziar a Lava Jato.

Mais Sobre Polícia

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

O 5º Batalhão de Polícia Militar de Rondônia (5º BPM – Batalhão Belmont) realiza, nesta sexta-feira (23), às 19h, a formatura militar alusiva ao seu

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Na manha de hoje (21), a Polícia Rodoviária Federal participou da Operação Arinna, deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime O