Porto Velho (RO) quinta-feira, 26 de novembro de 2020
×
Gente de Opinião

Polícia

Alckmin oferece reforço à PF para prender Lula


Gente de Opinião

SP 247 - A Secretaria de Segurança Pública do governo Geraldo Alckmin ofereceu apoio à Policia Federal para auxiliar em uma eventual operação para prender o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista - o tucano tem o codinome de "santo" nas planilhas da Odebrecht que listam o pagamento de propina.

O secretário Mágino Alves, reforçou que caberá à PF prender Lula e não à Polícia Militar de São Paulo. "O que poderemos fazer, caso necessário, é agir para assegurar o livre trânsito e a ordem de modo geral. Já me coloquei à disposição do superintendente da PF neste sentido", disse Mágino. Relato foi publicado no blog do Fausto Macedo.

De acordo com o titular da pasta, é possível efetuar a prisão após as 17h, prazo determinado por Moro para que o ex-presidente se entregue. "O que não se pode é violar um domicílio tarde da noite. Mas ainda está muito cedo para sabermos o que vai acontecer. Não há nada preparado. Da nossa parte, só estamos à disposição para prestar auxílio. A operação não é nossa", acrescentou.

A oferta de ajuda pelo governo paulista acontece no mesmo dia da prisão de Paulo Vieira de Souza, o Paulo Preto, ex-diretor da Dersa e apontado como operador dos esquemas do PSDB. Seu nome foi ligado a quatro contas na Suíça que guardavam R$ 113 milhões.

Mais Sobre Polícia

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

O 5º Batalhão de Polícia Militar de Rondônia (5º BPM – Batalhão Belmont) realiza, nesta sexta-feira (23), às 19h, a formatura militar alusiva ao seu

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Na manha de hoje (21), a Polícia Rodoviária Federal participou da Operação Arinna, deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime O