Porto Velho (RO) domingo, 19 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Eleições 2018

Pesquisa XP mostra Haddad em segundo lugar


Pesquisa XP mostra Haddad em segundo lugar - Gente de Opinião

247 - Pesquisa XP Investimentos aponta o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) em segunda lugar na corrida presidencial, com 13% dos votos, quando associado ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Em primeiro lugar está o deputado federal Jair Bolsonaro (PSL), com 21% dos votos.

De acordo com o levantamento, a ex-senadora Marina Silva (Rede) fica na terceira posição, com 10%, seguida pelo ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB), com 9%, e pelo ex-ministro Ciro Gomes (PDT), com 7%.

O senador Álvaro Dias (Podemos) aparece com 5%. Na sétima posição está a deputada estadual pelo Rio Grande do Sul Manuela D'Ávila (PCdoB), com 3%. O ex-ministro Henrique Meirelles (MDB) atinge 2% e Guilherme Boulos (Psol), 0%.

Os que não responderam somam 1%, e brancos e nulos ou que não votam em candidato algum, 26%.

Com Lula

No cenário com Luiz Inácio Lula da Silva, o ex-presidente vence com 31% dos votos, seguido por Bolsonaro (19%) e por Alckmin (9%). Na sequência aparecem Marina (9%), Ciro (6%), Alvaro Dias (5%), Manuela e Meirelles com 2% cada, João Amoêdo (Novo), com 1%, e Boulos com 0%, mesmo percentual dos que não responderam. Brancos e nulos ou que disseram não votarem em candidato algum somaram 15%.

Foram feitas 13 mil entrevistas ao longos dos meses maio, junho, julho e agosto. O levantamento tem margem de erro de 3,2 pontos percentuais para mais ou para menos.

Mais Sobre Eleições 2018

Beni Andrade cobra respostas dos candidatos, para o mundo real (VÍDEO)

Beni Andrade cobra respostas dos candidatos, para o mundo real (VÍDEO)

Dinossauros da SICTV debatem a política brasileira

Ex-ministro da Justiça Brasil não pode violar tratados e Lula é candidato - Por  Eugênio Aragão

Ex-ministro da Justiça Brasil não pode violar tratados e Lula é candidato - Por Eugênio Aragão

As instituições do estado brasileiro sempre tiveram uma relação de amor e ódio com o direito internacional. Por um lado, a aristo-burocracia que as po

Expedito Junior diz que não se permitirá ser governo da mesmice

Expedito Junior diz que não se permitirá ser governo da mesmice

Em evento repleto de servidores, produtores, empresários, lideranças políticas e comunitárias, Expedito lançou sua campanha em Ariquemes

Dodge se cala sobre ordem da ONU para que Lula dispute a eleição

Dodge se cala sobre ordem da ONU para que Lula dispute a eleição

Em seus anos de atuação no Ministério Público Federal, a atual procuradora-geral da República, Raquel Dodge, defendeu a primazia de tratados internaci